Ciência Polémico Saúde

Evite o leite… pela sua saúde!

o-SKIM-MILK-facebook

As indústrias de lacticínios americanas gastaram rios de dinheiro para convencer o público em geral que o leite é necessário por razões de saúde, mas o que não nos disseram é que para os adultos o consumo de leite animal pode estimular doenças coronárias, obesidades, diabetes, cancro de mama, próstata e cólon, doenças autoimunes, osteoporose, algumas doenças da retina e dos rins, diabetes tipo 1 em crianças predispostas, em que o pâncreas sofre uma destruição autoimune. Por isso, o alimento pode e deve ser evitado, sem prejuízo para o organismo.

O leite, particularmente o de vaca, é a mais comum das alergias a alimentos [Fonte: Rona, Nowak-Wegrzyn]. Mesmo quando não se é alérgico o leite é frequentemente intolerado no trato intestinal [Fonte: Nowak-Wegrzyn] e o problema vai muito além da intolerância à lactose pois este provoca inchaço intestinal, prisão de ventre e refluxo. Clinicamente, o leite, está ainda ligado ao aumento de problemas de pele (eczema), sinusite, enxaquecas e dores nas articulações [Fonte:  Grant].

Na realidade o leite é muito mais do que uma bebida, é um fenómeno cultural e industrial passível de ser analisado ao longo da história das civilizações.
O mito do leite espalhou-se pelo mundo baseado na crença de que é rico em proteínas e cálcio e essencial para a saúde, especialmente dos ossos. Todavia os estudos mostram que são mais os malefícios e os efeitos nefastos à saúde do que os benefícios. Surpreendentemente não só o corpo humano é incapaz de absorver o cálcio do leite de vaca (especialmente pasteurizado), mas também ficou já provado que o leite pode aumentar as perdas de cálcio nos ossos. Irónico?!

PSM_V44_D639_Showing_leg_bones

Como todas as proteínas animais o leite aumenta a acidez do pH do corpo humano que por seu lado despoleta uma correcção biológica natural.  É que o cálcio é um excelente neutralizador de acidez e o maior armazém de cálcio do corpo é exactamente o esqueleto. Assim, o mesmo cálcio que os nossos ossos necessitam para se manterem fortes e saudáveis vai ser usado para neutralizar a acidez provocada pela ingestão de leite. Uma vez destacado dos ossos para equilibrar o pH, o cálcio é expelido pela urina causando um efeito surpreendentemente contrário ao que é advogado pelas indústrias leiteiras.

Sabendo tudo isto percebemos finalmente porque os países com menor consumo de lacticínios são também aqueles que possuem menor incidência de fracturas ósseas na população. É triste ver que os profissionais de saúde continuam a ignorar estes factos comprovados

O leite de vaca é para vitelos!

Graças à nossa ingenuidade e talvez aos instintos de sobrevivência adoptamos o acto dúbio de beber o leite de outras espécies. Ninguém nega a eficácia e pertinência do leite de vaca para os vitelos, mas ao contrário dos humanos estes deixam de consumir leite definitivamente uma vez que estejam crescidos… e o mesmo se aplica a todos os mamíferos à face do planeta. Além disso cada espécie de mamífero é o próprio ‘designer’ do seu leite que serve exactamente para a sua espécie, e isto aplica-se ao leite de vaca que contém três vezes mais proteínas que o leite humano o que obviamente tem de provocar distúrbios metabólicos nos humanos que erradamente o consomem.

Para quem insiste em manter os lacticínios na sua dieta fique pelo menos a saber que o que compram no supermercado está muito longe de ser saudável. As vacas leiteiras recebem diariamente hormonas de crescimento e de simulação de gravidez para aumentar a produção de leite, bem como antibióticos vários para diminuir infecções provocadas pelos mais variados mecanismos e químicos a que estão expostas. Estes materiais obrigatoriamente contaminam o leite e o seu impacto para os seres humanos que o consomem é ainda desconhecido.

milk-does-a-body-good

Concluindo, e como explica o famoso Save Our Bones Program,ao contrário do que diz a corrente, os media e os profissionais de saúde rebanhados a repetir unicamente o que ouvem sem tentar perceber se é correcto ou não… beber leite e consumir lacticínios não é uma resposta ou uma reversão à osteoporose ou outras deficiências, bem pelo contrário.

No meio de tudo isto ressalva-se apenas que lacticínios naturalmente processados e sem adição de açúcares ou adoçantes estão já livres de acidez e os estudos atestam que o iogurte, as natas e o kefir que não possuem rBGH (hormona) têm francos benefícios para a saúde humana.

Fica o aviso… saia da corrente! Investigue e pondere não consumir leite, pela sua saúde!

YouTube Preview Image YouTube Preview Image

 

Fonte: A Cidade, SaveOurBones, HowStuffWorks

Obrigado por nos dizer como este artigo o fez sentir! Agora conte a todos partilhando - .
Como este artigo o faz sentir?
  • Fora de Mim
  • Fascinado
  • Apoiado
  • Indiferente
  • Assustado
  • Chateado
  • Jose Da Silva Mirra
    Gustava de ler este estudo se é que alguma vez existiu, pois as proteínas presentes no leite são essenciais contra a osteoporose e não ao contrário. Além de que se provoca isso tudo então eu já estaria cheio de doenças pois desde que me lembro que bebo pelo menos 2 copos de leite por dia.
    • http://www.facebook.com/joao.a.varela João Varela
      A maioria das pessoas que desenvolve problemas a partir do leite ignora os sintomas e quando estes surgem não os relaciona com o consumo do mesmo. Estudos existem vários, é só pesquisar.
      • Francisco Barros
        Joao Varela, claro que há estudos a dizer isso… eu tb posso fazer um!!! Importa saber qual o índice de relevância desses estudos e se realmente não tem algum viés… As meta-analises servem para comparar estudos e daí retirarem-se conclusoes! e as que eu conheço sobre a matéria falam em sentido contrario ao aqui dito…
        • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
          Com todo o respeito o argumento do Francisco vale para os dois lados. A credibilidade dos estudos que diz conhecer é igual ou menor à credibilidade de qualquer outro estudo, incluindo os citados nas fontes deste artigo. As meta-análises de que fala são apenas um instrumento usado pelo conhecimento ‘mainstream’ para controlar os desvios dos resultados dos seus próprios estudos encomendados.
        • Alexandre Pita
          “eu tb posso fazer um!”
          Errado. Nao deves ser ninguém para fazer um estudo assim. Só estudos devidamente bem feitos são aceites pela comunidade cientifica e publicados em jornais cientificos. Não é um qualquer que faz um estudo destes, e muito menos é um qualquer que tem o ser estudo publicado em locais de relevância.
      • http://www.facebook.com/terapias.orientais.7 Terapias Orientais
        Cada um é livre de fazer o que quer da sua vida. Agora, com tanta informação disponivel sobre os maleficios do leite e continuar a bebe-lo…Aquelas pessoas que sofrem de algum problema digestivo, osteo-articular entre outros problemas de saúde, no mínimo, façam a experiência, parem de beber leite durante três meses, deste modo, poderão avaliar o que ganharam com isso. ou será que estão viciados nessa coisa? “Não somos filhos de vaca”
    • curioso
      E tem algum estudo que demonstre que o leite é eficaz na osteoporose?
      • Rita
        Pois desde pequena que tive problemas de carência em cálcio e magnésio e fui obrigada a consumir leite e produtos derivados para aumentar a capacidade de cálcio e digo que foi graças a isso que reestabeleci o cálcio em falta, pois não tomei medicação para isso foi só o aumento do consumo de leite, que eu mal consumia, por isso…
        • Dani Silva
          http://www.healthaliciousness.com/articles/foods-high-in-calcium.php

          O alimento com mais cálcio são ervas secas. Não têm contra-indicativos.

          O segundo é o queijo, que é praticamente 50% gordura. A evitar.

          O terceiro, quarto, quinto e sexto são frutos secos ou leguminosas, não têm contra-indicativos.

          Em sétimo, lá aparece o leite, que tem os contra-indicativos que o artigo menciona.

          O problema na sociedade actual é que há muita desinformação, mesmo na comunidade médica. Ainda há muita gente que afirma categoricamente que carne, peixe e leite são indispensáveis… mas é mito.

          Há algumas décadas atrás, o tabaco era receitado por médicos porque fazia muito bem… mas agora já todos sabem que não era verdade…

          Cada um cuide de si, e aproveitar ao máximo o que a Natureza tem de melhor, sem ter de matar e torturar animais inocentes…

          • Rita
            unh muito bem então vire coelhinho, lento a responder e a pensar e pálido como os mortos, assim são os vegetarianos, que eu saiba o tabaco ainda é receitado lá fora como esse fim mas é sem químicos
          • Dani Silva
            Sabia que muitos atletas de alta competição são vegetarianos?? É só pesquisar no google… Isso corresponde à sua ideia de pessoas pálidas como os mortos?? Por favor, informe-se antes de dizer atrocidades…
        • JJ
          Desde pequena, o artigo fala que o consumo de leite passa a ser prejudicial na fase adulta, ora se tomava leite quando era pequena isso não é ser adulta, acho q me fiz entender.
          • Rita
            10 anos aos 18 é pequena mas não é bebe como dizem aqui, que é a única fase em que é preciso leite, acho que me fiz entender
    • Pedro Cunha
      Não. As proteinas essenciais de que fala podem ser obtidas de muitos outros alimentos, como a fruta. Somos os unicos mamiferos que bebem leite na idade adulta. Se fosse assim tão essencial, provavelmente o leite materno doraria bem mais do que dura, e todos os mamiferos tinham evoluido no sentido de produzirem mais leite. Se não beber leite, nao fica com osteoporose esteja descansado.
      • Ricardo
        Não somos nada.
        Nunca teve um gato?
        Nós somos das poucas espécies que bebemos leite em adultos (não a única) porque sabemos como o fazer, tal como somos dss poucas espécies que come o que cultiva.
        • malupe
          Desculpe; mas qual é a outra espécie q come o q cultiva??? gostaria de saber!
          • Ricardo
            Malupe, por exemplo as cerca de 40 espécies de formigas cortadeiras. Excelentes agricultoras, mas uma praga para a agricultura humana.
      • Rita
        Pois desde pequena que tive problemas de carência em cálcio e magnésio e fui obrigada a consumir leite e produtos derivados para aumentar a capacidade de cálcio e digo que foi graças a isso que reestabeleci o cálcio em falta, pois não tomei medicação alguma para isso foi só o aumento do consumo de leite, que eu mal consumia para não dizer que não consumia, por isso…
    • http://www.facebook.com/francielytsuchiya Franciely Tsuchiya
      Eu te aconselho um exame de colonoscopia meu colega, o seu intestino com certeza não está normal, vá fazer e veja por você mesmo.
      Um dia o problema aparece!
      https://www.youtube.com/watch?v=5QElDHaEQVQ
      • Rita
        Reclamam todos do leite mas do verdadeiro mal que são os químicos injectados nos animais para engordas e não só é que ninguém reclama
        Sabem consumam mais álcool tabaco, drogas que ficam com o estômago limpinho e o fígado maravilhoso além do mais este video não identifica que o problema foi do leite
    • http://www.facebook.com/terapias.orientais.7 Terapias Orientais
      Sr. José da Silva, as proteínas não têm nada a ver com osteoporose.
      Existem estudos sobre povos africanos que não beberam uma gota de leite ao longo das suas vidas, e no entanto, nunca sofreram de osteoporose. Volto a referir, “o ser humano é o único animal à face do planeta que é suficientemente estúpido para beber leite de um animal que não é da sua espécie”.
  • sara
    Ok, faz sentido, mas alguém me explica como é que o Ca2+ neutraliza o H+? Isso é claramente bruxaria química. E, se isso fosse verdade, todas as pessoas com gastrite tinham osteoporose. A ideia é gira, os argumentos é que são hilariantes.
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Wow, temos o Einstein na praça! Mas será que um estudo publicado e apoiado por várias fontes não contratou um químico?!! É melhor chamar a Sara!
      • Fabio
        Oh caro, consegue aceitar algum argumento contra a sua ideia ou é “intolerante” à criticose?
      • Ska
        Ler “a Sara está a falar de coisas que eu não conheço, por isso vamos entrar na palhaçada e assumir que há gente mais inteligente do que a Sara (que eu não conheço, nem sei que habilitações terá) vegan”.
  • Francisco Barros
    estudos mais recentes apontam precisamente o contrario… cuidado com a desinformação especialmente em saúde!!! ja agora, deixo aqui uma meta-analise (conclusao tirada da maioria dos estudos existentes sobre esta materia que contraria por completo estas “supostas” evidencias “achadas em 1994 e 1997)
    http://www.telegraph.co.uk/health/healthnews/5888160/A-pint-of-milk-a-day-cuts-chances-of-heart-disease-and-stroke.html#
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Já notou que o senhor que conduziu a suposta meta-análise que fala trabalha directamente para empresas de produção de laticínios? Reparou como é investigador e coordenador da maioria dos estudos da Center for Food Security que defende publicamente a utilização de sementes geneticamente modificadas bem como os benefícios da Monsanto?
      E isto descobri com 5 minutos de pesquisa no Google e na University of Reading.
      Para mim a credibilidade desses senhores é nula pois depende de quem lhes paga!
      • Paulo Amador
        Bem,sempre tive a ideia que o leite de vaca não seria benefico para o ser
        humano…..talvéz esteja errado,mas de uma coisa tenho a certeza….somos o unico mamifero que bebe leite,além do materno……será que os outros mamiferos precisam beber leite de vaca para evitar ou melhorar a osteoporose e outras doenças ……??????
      • Miguel
        Agree! Vejam o documentário “Food.inc”. É muito esclarecedor!
    • Paulo Oliveira
      Abre os olhos, estás a ser ridículo. Aqui é na boa, que ninguém te conhece, mas um dia vais fazer o mesmo na vida “real” e vais ficar mal.
      Queres estudos em condições?
      Dá uma vista de olhos neste, até o arranjo em vídeo, para não teres que te cansar a ler e a analisar dados.

      http://www.youtube.com/watch?v=TJvrlwnEqbs&feature=share&list=FL28RbkvKZpr1JzGRSbhrENQ

      http://www.youtube.com/watch?v=yfsT-qYeqGM&feature=share&list=FL28RbkvKZpr1JzGRSbhrENQ

      http://www.youtube.com/watch?v=whEmdOsL4GQ&feature=share&list=FL28RbkvKZpr1JzGRSbhrENQ

      http://www.youtube.com/watch?v=Kpw5dSxQAec&list=FL28RbkvKZpr1JzGRSbhrENQ&index=24

      Infelizmente sinto que isto é dar pérolas a porcos.

      • Patrícia Patos
        Gosto de ti, gosto de ti!
    • http://www.facebook.com/francielytsuchiya Franciely Tsuchiya
      Vamos pela lógica?
      Leite engordura tudo e por que será que pessoas com câncer e quem vai fazer exames como colonoscopia precisa evitar leite e derivados?

      E o que diz esse médico do vídeo (um dos mais conhecidos do mundo) sobre os laticínios? Evitar! Porque esses prejudicam o intestino.

      Pesquise você mesmo!

      https://www.youtube.com/watch?v=5QElDHaEQVQ

  • Nuno
    Eu inclino-me mais a acreditar neste artigo pois se bem me lembro quando andava a estudar na disciplina de Biologia,a minha professora sempre disse que o corpo humano apenas produzia a lactase (enzima que decompõe a proteina lactose) eu quantidade suficiente para decompor a lactose até aos 3 primeiros anos de vida sendo que a partir desse momento o corpo humano deixa de ser capaz de a decompor. Como tal não me surpreende minimamente este estudo tal como é apresentado.
  • JobiJojobi
    O meu gatinho também bebe leite de vaca! E aparenta ser um mamífero também. Mas bebe por que eu lhe dou e eu bebo por que me deram. E adoro! E penso que se o consumir moderadamente não vou morrer por causa disso, tal como o meu gato que o adora também! Mas se morrer, olha…morri, xau aí 😛
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Xau
  • R Luis
    O grande problema é que as pessoas não pensam pela sua cabeça. Porque somos o único animal a consumir leite já em adulto? Leite de vaca é bom para bezerros e só enquanto não ruminam. As pessoas aceitam dogmas e aceitam os sim porque sim, não se questionam, apenas querem saber quem tem as melhores razões para que se faça isto ou aquilo, e depois querem ficar do lado de quem ganhou, em vez de ficarm dolado das suas próprias conclusões, enfim…, pessoas
  • pedro santos
    Já tinha ouvido falar dos malefícios do leite nos adultos e, apesar de gostar de beber leite, tenho reduzido os poucos a quantidade bebida.

    Uma das razões que me leva a acreditar nesta teoria, é a resposta à simples pergunta:

    – Conhecem algum animal em todo planeta terra, que beba leite enquanto adulto?

    Eu não conheço. Por alguma razão será…

    • Ska
      Conhecem algum animal cuja esperança média de vida tenha duplicado ao longo da história? Por alguma razão será.
  • Dani Silva
    Para os interessados no assunto, aconselho o documentário “Got The Facts On Milk?”.

    Os mesmos defensores que o leite é indispensável são normalmente os mesmo que dizem que o consumo de carne é essencial ao ser humano. O leite é produzido para os vitelos, que são mamíferos que atingem cerca de 5x o peso humano, e com proporções exageradas de hormonas naturais para a nossa espécie.

    Há vegetarianos (vegans, pra ser mais preciso) que não comem carne, peixe e nem leite, e vivem em média mais e com mais saúde que a população comum da mesma região (mais informações no artigo “Longevity, The Secrets of Long Life” da National Geographic). Portanto, esqueçam os argumentos de que carne, peixe e leite são essenciais, porque NÃO SÃO.

    Quanto a reacções adversas ao leite, é óbvio que cada organismo (cada pessoa) tem reacções diferentes. Por exemplo, a mim o leite provoca uma espécie de sinusite nasal matinal. Sabem quando descobri que o problema era o leite?? Com 25 anos!!! Passei 25 anos da minha vida a beber um líquido produzido para outro animal (leite), e que me fazia mal, só porque a nossa sociedade acha que faz bem, e aparece em todas as pirâmides dos alimentos. Isto é RIDÍCULO!

    • Luís Matos Dias
      Isto é simples se DEUS criou assim mundo foi por alguma razão!
      Acho que me fiz entender.
      • Orlas
        Deus criou a bosta de vaca. Faz um favor a todos e alimenta-te dela.
        • Paulo Oliveira
          Mesmo, LOL
          “God must love stupid people, he made so many of them…”
        • Manuel Aguiar
          Talvez o meu amigo nao saiba que a bosta de vaca faz um adubo natural e esse adubo uma vez na terra faz crescer os productos duma forma biologica e saudavel!
      • Paulo Oliveira
        Deus? Isso é o quê? Desconheço.
      • josué
        Foi Deus que criou o mundo?AAHHHA,Não sabia…mas tens a certeza?
    • Flavia
      Mas assim, o consumo de carne É indispensavel ao ser humano. QUal o alimento vegetariano que impede que a barra de mielina se desfaça? Mais de 40% de vegetarianos de longo prazo (acima de 30 anos em dieta estritametne vegetariana) tem a mielina desfeita e sérios problemas motores. Gente, isso é um fato… Nao tem como negar
      • Dani Silva
        Gostaria de saber onde é que isso é “facto”. Há estudos feitos que mostram claramente as vantagens da dieta vegetariana, como é demonstrado no artigo “Segredos da Longevidade” da National Geographic. Eu pessoalmente conheço pessoas Vegan de nascença, actualmente com quase 40 anos, e com uma saúde invejável.

        Gostava que indicasse algum estudo credível que demonstre que a dieta vegetariana leva a algum tipo de problema de saúde. Se não tem fontes seguras, não vale a pena fazer esse tipo de afirmações. Aconselho vivamente a pesquisar o documentário “Segredos da Longevidade”, preferencialmente em inglês (onde há até um vídeo feito) da revista científica National Geographic, onde se mostra que uma das populações que mais vive no mundo é vegetariana.

        • Helena Alves
          É uma boa ideia. Dediquem-se todos ao veganismo ou vegetarianismo… afinal os dóceis rebanhos é o que consomem… erva! Cada vez mais mansos, manipuláveis e escravos! Bingo! As forças ocultas de domínio mundial agradecem, afinal pastoreiam biliões e quanto mais apáticos, melhor.
          Tenho 50 anos, sempre tive alimentação variada com todos os tipos de verduras, fruta, carne, leite inclusivamente e NUNCA estive doente nem sequer uma gripe.
          • Dani Silva
            Por alguém ter uma alimentação “macrobiótica” e ter anemia, não quer
            dizer automaticamente que o vegetarianismo é mau. Se eu for vegetariano e
            não variar a minha alimentação, corro esse risco, assim como corre esse
            risco qualquer pessoa que coma carne, mas que não varie a sua
            alimentação. Também há vegetarianos com cancro, mas a taxa de incidência
            é MUITO MENOR em vegetarianos do que em comedores de carne. Quer
            provas?? Simples… pesquise no google o mapa de taxa de incidência de
            cancro no mundo… e a seguir pesquise o mapa de ingestão diária de
            carne no mundo… vai ficar surpreendido que os países onde se come mais
            carne (países ricos ou pobres) são aqueles onde a taxa de incidência de
            cancro é maior. Quer mais provas?? Pesquise no google sobre o “the
            china study”, um estudo feito durante 20 anos, e que como conclusão
            apresenta o seguinte: “Os autores apresentam e explicam as conclusões do
            estudo, apontando uma
            correlação entre a dieta animal e as doenças. As dietas ricas em
            proteínas
            de origem animal (incluindo caseína no leite de vaca) foram fortemente
            ligadas a doenças cardíacas, cancro e diabetes tipo 1. Os autores
            recomendam que as pessoas tenham uma alimentação balanceada, uma dieta
            baseada em vegetais, e evitar consumir carne bovina, aves, ovos, peixe e
            leite como forma de minimizar e/ou reverter o desenvolvimento de
            doenças crónicas.” A decisão é sua… a saúde também… mas mais tarde
            não pode dizer que não foi avisado…
          • Gonçalo Abreu Fernandes
            A única correlação comprovada entre o consumo de carnes e a incidência de cancro de que tenho conhecimento é relativamente ao consumo de carnes vermelhas (vaca, vitela, PORCO, etc..), processadas (salsichas, bacon) e de enchidos e a incidência de neoplasias gastro-intestinais. Penso que em relação ao consumo de carnes brancas (frango, perú, coelho…) e a incidência destas doenças essa correlação não foi ainda provada… mas claro que TUDO o que seja em excesso, mais tarde ou mais cedo, será negativo.
          • Dani Silva
            Mais uma vez refiro, o que estava a ser discutido não é quais as carnes que fazem mal o não, mas sim o facto de que os produtos de origem animal NÃO SÃO INDISPENSÁVEIS à alimentação humana, mas sim FACULTATIVOS. Depende de cada um a escolha de os consumir ou não, com as devidas consequências. Já os vegetais e frutas, devem ser comprovadamente a base da alimentação humana, e nesse ponto não há qualquer discussão.
          • Gonçalo
            Coelho não é carne branca, já que carne vermelha são todos os mamíferos. Tudo o resto, perfeitamente de acordo, ainda assim, prefiro comer carne apenas uma vez ou duas por semana, até porque não sou aperciador dos sabores. Tenho 20 e comecei a deixar carnes vermelhas aos 18, reduzi nas brancas aos 19 e sinto-me bastante bem, fisíca e psicológicamente.

            São escolhas, eu escolho comer muita fruta, vegetais e nenhuma carme vermelha. Mais até, não bebo sumos, apenas água e leite, e leite é apenas pela manhã, água, cerca de 2l por dia.

            Sinceramente, cada um é livre de escolher, eu escolho continuar a beber leite, não fumo, faço desporto, não como muitas gorduras, não será pelo leite que vou ficar pior que muita gente.

          • Patrícia Patos
            as gorduras são essenciais. as boas gorduras. monoinsaturadas e saturadas.

            já outras, como por exemplo óleos alimentares polinsaturados (girassol, soja, quase todos os que existem em conta nos supermercados) preparados segundo métodos industriais baseados em calor e desnaturação das estruturas lipídicas não, de todo.

          • Cátia
            Os meus avós são omnívoros, só bebem leite depois de velhos porque desenvolveram osteoporose, têm todos mais de 90 anos (os 4) e tirando a osteoporose, têm tudo ok!
            Já agora… A minha avó paterna baseia a sua alimentação em carne e gorduras, e surpreendentemente está muito bem… Já agora, comer carne de forma equilibrada não faz mal a ninguém, assim como o resto dos alimentos. O segredo está no equilíbrio e não só comer isto ou aquilo. A mim ninguém me diz o que comer, como de tudo, e que venha a era dos insectos, estou preparada!
        • J.V
          Minha mãe com quase 80 ano sempre foi vegetariana (só peixe) não consome leite nem seus derivados e sempre teve problemas de saúde.
          • Dani Silva
            Como é óbvio, os vegetarianos e vegans também ficam doentes, mas em média menos vezes. Além disso, a saúde não depende só da alimentação. Ar puro, exercício, bons hábitos de sono, herança genética, etc. Ou seja, é garantido que, mesmo que faça tudo certo, tenha uma boa saúde… mas as hipóteses de ter boa saúde são bastante maiores, e é isso que os estudos provam.
    • http://www.facebook.com/ruben.rodrigues.3766 Rúben Rodrigues
      Ridículo é partir do pressuposto (falso) que comer carne faz mal. Porque não é o que acontece, sabe onde vai buscar ácido fólico? Só à carne. Sabe porquê que os idosos às vezes têm problemas de demência? Porque não comem carne. O leite não faz mal, há pessoas que não o toleram e essas pessoas evidentemente têm que encontrar outras alternativas, mas o leite não é só uma fonte de cálcio (outros alimentos também podem ser fontes do mesmo). É fonte de inúmeras proteínas importantes no nosso metabolismo. E sabe onde vou buscar esses argumentos sobre o leite e carne? Vá ao pubmed, estude bioquímica e metabolismos, informe-se melhor.
      • Dani Silva
        Eu não disse que comer carne faz mal… ninguém morre por comer em poucas quantidades. Eu disse que a carne não é indispensável como tanta gente pensa (mito). E a favor disso há estudos que o comprovam, como o artigo “Segredos da Longevidade” da National Geographic. Se me mostrar um estudo credível que mostre que a dieta vegetariana é maléfica em alguma forma, terei todo o gosto em reavaliar a minha posição. E não preciso ir ao pubmed, a minha esposa é formada em Neurociências (também ela é vegetariana por saber ser a melhor opção), e conheço pessoas da área da saúde (médicos e não só) que são um exemplo de estilo de vida saudável e vegetariano. As pessoas podem continuar a comer carne? Podem. É indispensável a uma vida saudável? Não. Vale a pena o risco de comer carne e sacrificar animais, tendo em conta que é pela carne e peixe que por vezes vêm as piores doenças e parasitas que podemos ingerir na alimentação? Cada um tem de decidir por si.
        • Joeim Nascimento
          Vale a pena matar as plantinhas que nos processam o CO2 para podermos sobreviver? Melhor é morrermos todos. Assim ficam os animaizinhos e as plantinhas, todos uns para os outros…….
          • Pamella Almeida
            O maior produtor de CO² são as vacas!! Sim, as vaquinhas que comem as plantinhas.

            Excremento e abertura de pasto respondem por 18% dos gases do efeito estufa; 9% da emissão mundial de dióxido de carbono (CO2) vem dessa atividade, que está ligada à queima de combustíveis fósseis e à conversão do solo em pasto; 65% do ácido nitroso emitido no mundo é resultado da alimentação dos animais; este gás-estufa é 296 vezes mais perigoso para o ambiente do que o CO2; 37% do metano produzido por atividades humanas vem principalmente do sistema digestivo dos ruminantes; o gás é 23% pior do que o CO2. Esses são alguns dados do relatório A grande sombra do gado, da FAO.

            Por isso, se deixássemos de criar gado e comêssemos mais vegetais o nosso planeta não sofreria tanto!

          • Paulo
            Que mentalidade atrasada você tem para continuar acreditando no Aquecimento Global Antropogênico.
          • Pedro Serra
            CO2 não é a mesma coisa que CO . O CO (monóxido de carbono) resulta da queima de combustíveis , o CO2 (dióxido de carbono) resulta da respiração dos seres vivo , o CO2 é absorvido pelas plantas na sua respiração em que o transformam em oxigénio que nós respiramos . Um dia destes ainda se proíbem a cervejas por causa do CO2 , lol
          • Braziliangirl
            Esse e o comentario mais ridiculo que ja escutei! ha lugar pra tds os seres nessa terra Deus colocou as plantas e os animais como fonte de alimentacao!
      • Dani Silva
        Já agora mais uma achega… em relação à sua afirmação de que o Ácido Fólico só existe na carne… e nem foi preciso pesquisar muito… A página da wikipédia sobre “Ácido Fólico” diz o seguinte: “Encontrado em vísceras de animais, verduras de folha verde, legumes, frutos secos, grãos integrais e levedura de cerveja.”

        Se todos estes alimentos (verduras, legumes, frutos secos, grãos e levedura de cerveja) são “carne”, então estou muito enganado… por favor, pesquise antes de fazer esse tipo de afirmações. Eu pesquisei bastante antes de defender o regime vegetariano, pois antes de 2007 eu era um grande apreciador de carne e leite. Hoje, felizmente, sinto-me muito bem com a opção que tomei.

        • mike
          Dani, tens todo o direito de comer o que quiseres e achares o que quiseres. O que acho piada é que este artigo tenta *dizer* às pessoas o que não consumir usando o argumento “vocês só consumem leite porque alguém vos *disse* que era benéfico”. Isso das pesquisas tem muito que se diga. Queres uma lista de sites que dizem que somos governados por ET’s? Ou que o Keanu Reeves é de facto Jesus Cristo?

          A carne tem vantagens e desvantagens. Obviamente que há sempre alternativas para fontes de Zinco, B12 etc nem que seja mudar a tua dieta para capsulas de Centrum. Se te sentes bem com a tua dieta óptimo, Eu sinto me óptimo com a minha e não vejo a necessidade de andar a “convencer” pessoas a comer um bife…

          • Paulo Oliveira
            Mais uma resposta baseada na ignorancia.
          • mike
            Paulo, o teu conhecimento absoluto veio donde? Do cinema? Para quem trabalha na Umbrella Corporation e estudou na Academia Jedi parece-me que és a pessoa mais habilitada para discutir este tema. Ignorância na minha opinião é não respeitar a opinião dos outros, como tu fizeste em todos os teus comentários nesta thread. Ofendes um por ser religioso, outro por não partilhar da tua opinião e outro porque escreveu uma palavra mal (Btw ignorância leva um acento). Para quem mostra algum tipo de orgulho por consumir drogas parece-me (apenas a minha opinião) que podias ser mais “open minded”. EOF (só para mandar pó ar que sou mta cool Mr. TL:DR)
          • malupe
            boa resposta! amei
          • Dani Silva
            Obrigado pela franqueza. Normalmente as pessoas defendem aquilo que gostam, mesmo sem saber se faz mal ou não. No seu caso, parece que reconhece que a carne é um capricho e não uma necessidade. Nesse sentido, concordo consigo. Cada um deve comer o que quiser, e como se sentir melhor. O que quero desmistificar o mito de que a carne, peixe e leite são “essenciais”, porque não são. Se as pessoas as querem continuar a comer ou não, depois de terem esta afirmação, já é uma opção pessoal e não criticável. Relativamente às pesquisas, é óbvio que uns resultados são mais fiáveis que outros. Felizmente, na dieta vegetariana só há as vantagens (não há desvantagens conhecidas até hoje). Mais uma vez, obrigado pela resposta.
          • Joeim Nascimento
            Meu amigo, não há desvantagens? O que o comentador atrás queria referir era a Vit. B12 e não o Ac. Fólico. Em pessoas vegetarianas estritas não ha consumo de Vit. B12 e isso leva a anemia. É melhor estar bem informado do q fala e não estar a espalhar desinformação
          • Dani Silva
            Já foi descoberto que a vitamina B12 é produzida por bactérias presentes no nosso intestino. É claro que, ao consumir produtos de origem animal, vamos inibir essa produção. Utilizo agora a sua frase: “É melhor estar
            bem informado do q fala e não estar a espalhar desinformação”

            “Vitamin B12 synthesis by human small intestinal bacteria”

            http://www.vibrancyuk.com/B12.html

          • Débora Landim Quinaud
            é produzida mas não é absorvida…pq as bacterias que a produzem no nosso corpo estão localizadas numa zona onde não proporciona absorção…por isso precisamos de fontes exogenas…pelo menos já li varios atigos sobre isso, não posso dizer se isso é 100%…sou vegetariana e tb sei que a deficiencia de b12 por incrivel que pareca, acontece em grau parecido aos vegetarianos em pessoas onívoras.
          • Maria Craveiro
            E o que dizer do fato de eu ter sido vegetariana estrita durante 5 anos, ter sido sempre saudável e só quando voltei à dieta “normal” me tornei anémica? Afinal o organismo produz ou não a Vitamina B12? :) Não há verdades universais, é tudo uma questão de equilíbrio. E o nosso organismo é de um equilíbrio quase perfeito. Ele adapta-se às condições que lhe proporcionamos… o problema é sempre o mesmo: por um lado os excessos, por outro as restrições. Sejamos vegans, vegetarianos ou “mediterrânicos”, o que interessa é variar e consumir todo o tipo de substâncias essenciais ao organismo. A carne, o peixe, o leite não são essenciais se encontrarmos alternativas.
          • Abílio Santos
            Ao ler os relatos aqui deixados pelos intervenientes, quero fazer o meu, sofria muito de refluxo de tal forma que acordava aflito com falta de ar e a sensação de ter entrado agua no canal respiratório, pensava que ia morrer sem conseguir respirar, fui sujeito a uma intervenção cirúrgica no estomago felizmente passou já vão uns 12 anos. sofria muito de dores nas articulações dos dedos dos pés, eles inchavam e tinha dias que não conseguia andar, pois quando tentava articular os dedos, as dores eram insuportáveis “curioso” adoro comer queijo um dia por algo que não sei explicar, pensei…vou deixar de comer queijo, fiz isso e minhas dores nas articulações dos dedos dos pés passaram, mais tarde para confirmar se era do queijo, recomecei a comer, passado uns dias as dores começaram a voltar! agora sei que o queijo me faz esse efeito, ainda não entendo bem porquê.
          • TxiQo
            “The author does not believe that a vitamin B12 deficiency is more widespread in vegans or vegetarians – this is probably just another marketing lie! In fact, many so-called studies ‘showing vegans deficient’ have to be carefully studies themselves – many of them do not prove vegans to be deficient at all! In fact, contrary to meat and dairy industry propaganda, meat-eaters are known to be more likely to have a vitamin B12 deficiency – this has been known since 1959!!

            According to Marieb’s ‘Human Anatomy and Physiology’, vitamin B12 can be destroyed by highly alkaline and highly acid conditions. This assumes that the B12 in meat would be easily destroyed because the hydrochloric acid in our stomaches during the digestion of meat is highly acidic. This may explain why meat-eaters are just as likely to have a B12 deficiency as vegans – even though their diet contains vitamin B12. Also, for meat-eaters, there is antiobiotics contained in meat! Of course, many meat-eaters destroy their friendly bacteria in their intestines by constant putrefaction and the putrefactive bacteria naturally present in meat will give the body a hard time.”

            http://libaware.economads.com/b12issue.php

          • Dani Silva
            Já foi descoberto que a vitamina B12 é produzida por bactérias presentes
            no nosso intestino. É claro que, ao consumir produtos de origem animal,
            vamos inibir essa produção. Utilizo agora a sua frase: “É melhor estar
            bem informado do q fala e não estar a espalhar desinformação”

            “Vitamin B12 synthesis by human small intestinal bacteria”

            http://www.vibrancyuk.com/B12.html

          • Margarida Carvalho
            O problema são os químicos dos frutos e vegetais em larga escala.
          • Gonçalo Abreu Fernandes
            “Um estudo científico é um estudo científico”, feito por humanos, logo, passível de conter erros e faltas de exactidão e ainda de ser manipulado pelos investigadores que o realizam.

            Por exemplo, se eu estudar o efeito de um determinado alimento numa população que não seja totalmente aleatória, não posso afirmar que as conclusões são válidas na generalidade, certo? ERRADO! Muitas vezes é isso que acontece… sabem-se os resultados mas não todas as condições e mesmo que se saibam, a imprensa só vê os resultados…

          • Alcione Duarte de Souza
            Os ETs nos governam há milênios e não nos damos conta.
          • Flavio
            kkk
        • Alcione Duarte de Souza
          Muito bem!
      • Paulo Oliveira
        Isto é propaganda ignorante.
      • Dionisio facadas
        hoje em dia tudo faz mal. Gluten deve ser evitado, carnes devem ser evitadas, leite deve ser evitado, o peixe também pode ter coisas que fazem mal.
        Qualquer dia só se come fruta e vegetais, mas mesmo assim tem que se ver se é biológico e se o solo não está contaminado.
        E a água, é preciso cuidado. Mais vale beber só sumos.
        • Cláudia Rodrigues
          Posso dizer que à mais de meio ano já não tenho dores de estômago nem refluxo gástrico.
          Comecei a beber bebida de soja passado dois meses de ter deixado de beber leite de vaca.
          Perdi peso depois de ter deixado de beber leite e derivados de leite. (cerca de 6 Kilos).
          A minha médica de familia depois de lhe relatar o que me havia sucedido, que tinha encontrado a razão das minhas dores de estômago ainda me disse para voltar a tomar leite.

          Pode custar a deixar de beber mas o benefícios são muitos…

      • Igor
        rúben… qualquer tabela nutricional elementar tem infos desse tipo. as tuas afirmações são totalmente erradas e só mostram q claramente falas do q não sabes. é pena. nem precisas da carne, nem do leite, e sim, fazem-te muito mal, de variadas maneiras, a todos os teus sistemas orgânicos. a q eu destaco pq é de longe a mais irónica e errada e INVERSA é a demencia dos idosos. enfim. cumprimentos!
      • Susana Ventura Rodrigues
        Não é o leite que faz mal! É o leite que consumimos hoje. Se comparar leite diretamente do produtor …. não vai ter problema. Mas vai ter de saber como o produtor alimenta sua vaca. Melhor que seja daqueles bem à antigamente!
      • Alcione Duarte de Souza
        Tá por fora!
        • Armindo Bento
          gostei de todos comentários, mas deixo qaui, um testemunho do leite em pacote comum a tantos outros.
          Primeiro, dava-me refluxos, ácidos, mas tarde, perdi mais de 20kg. Era alérgico á latose, que se tornou num veneno.Mas foram preciso 2 anos para o médico descobrir, por acaso.
          Recomendo, que tomem leite mas sem lactose
      • Dani Silva
        Em que escola é que aprendeu que a carne e o leite são indispensáveis??? Gostava de saber isso, para não passar por perto… às vezes a ignorância é contagiosa!
      • Margarida Carvalho
        Obrigada
    • Pablo Angel
      Se alimentos de origem animal nao sao indispensaveis entao de onde eu tirarei Vitamina B12?
      • Dani Silva
        “B12
        synthesis is known to occur naturally in the human small intestine (in
        the ileum), which is the primary site of B12 absorption. As long as gut
        bacteria have cobalt and certain other nutrients, they produce vitamin
        B12.” Tenho uma amigo médico que fez a seguinte experiência: Seguiu um grupo de crianças Vegans de nascença, e estas sempre mostraram níveis de B12 normais. Seguiu um grupo de pessoas que deixou de consumir produtos animais… os níveis de B12 baixaram. Continuou a seguir esse grupo, os níveis de B12 voltaram lentamente ao normal. Ou seja, o nosso próprio corpo tem, especialmente no intestino, as bactérias que produzem a B12. Ao ingerirmos B12 de alimentos animais, estas bactérias param a produção (porque B12 em excesso é prejudicial). Ou seja, somos nós próprios, ao ingerir produtos de origem animal, que paramos a nossa própria produção de B12, que só é produzida por bactérias.

        Além disso, o valor diário aconselhado de B12 tem vindo a diminuir ao longo dos anos, ou seja, os investigadores vão chegando à conclusão que afinal não precisamos de tanta quantidade quanto se pensava anteriormente, já que o nosso corpo recicla a vitamina B12.

        • http://www.facebook.com/arimarvieira Arimar Vieira da Costa
          Têm que ser cuidadoso com frangos, que tomam hormônios diariamente em sua rações para acelerar o crescimento, também???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
    • Lis Normandia
      parabéns, perfeita analogia.
  • Daniel
    Farto-me de rir com estes pseudo-estudos fundamentados em vai se la saber o que… Comecem a usar fontes viáveis, por amor de Deus. As 3 fontes citadas são tão credíveis como qualquer um de nós que decida dizer que o leite faz bem.
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Se ler os vários comentários aprenderá uma coisa simples… Estudos não faltam e os ditos credíveis são encomendados por empresas de laticínios. Abra os olhos!
  • João Romero
    E o leite de soja?
  • Rudi Marques
    Não adianta alertar contra os malefícios do leite. Esta gente não vai abrir os olhos. Sinto-me bem melhor sem o consumir, menos inchado . Não se vê nenhum animal depois de crescido a beber leite, pois não ? E não morrem, o ser humano é igual. Os nutrientes do leite encontramos facilmente em outros alimentos, mas se muita gente fizesse uma alimentação adequada em vez de comer porcarias era bem melhor para elas. Mas façam o teste, deixem de beber leite durante 1 ou 2 semanas e tirem as vossas próprias conclusões.
    • Rita
      o tabaco também faz mal e não o proíbem beber álcool também faz mal e não proíbem comer fast food também faz mal e não proíbem ingerir bebidas gasosas também fazem mal e não proíbem, alguns são alérgicos ao pólen e na primavera têm de andar com medicações para não serem afectados e outros o organismo não tem qualquer alergia, todos temos organismos diferentes e uns reagem outros não mas afinal aqui o que faz mal são as hormonas e os antibióticos que fazem as vacas ingerirem porque é isso afinal permitido??? é como o tabaco e o álcool então desde que dê lucro ao bolso dos produtores e não só é o que interessa.
  • ricardo
    bom a verdade é que somos o único mamifero que depois de amamentado, continua a beber leite, é só pensar nisso … :)
  • Luís Matos
    Existe essa frase que está muito em voga “O ser humano é a única espécie que bebe leite em adulto”. Pois bem, também somos a única espécie que bebe café, come alimentos cozinhados, usa medicamentos e vitaminas em comprimidos. Dizendo isso, tudo o que comemos e tudo o que nos diferencia dos outros animais faz mal à saúde!

    Se o consumo de leite é indispensável? Não, não é… Se faz mais mal que bem??? Não sei… Há muitos outros estudos que dizem que tem benefícios,mas este parece-me mais uma campanha feita pelas indústrias de alimentos alternativos ao leite, como a soja…

    • http://www.facebook.com/rengds Renan Gonçalves
      Amigo, para se produzir leite de vaca é necessário uma quantidade muito maior de soja, pois esse é um dos alimentos principais das vacas leiteiras. Logo as indústrias da soja lucram muito mais com o leite de vaca.
      • Helena Alves
        … é Renam? e eu gostaria de saber ONDE é que as vacas se alimentam mais de soja… será no Brasil? de qualquer forma o milho em Portugal é quase na generalidade OGM. Isto é para dar cabo dos agricultores de uma forma geral e de uma vez por todas. Ouviu falar no suicídio em massa de agricultores na Índia pela proibição do uso das sementes tradicionais? Quem está por trás? o gigante Monsanto, a FAO e FDA. Manobras, mas enfim.
    • http://www.facebook.com/francielytsuchiya Franciely Tsuchiya
      Luís não seja antiquado, como somos os únicos animais pensantes precisamos sempre estar evoluindo e não ao contrário.

      Procure no bbc news, no dailymail e tantos outros jornais famosos que informam sobre os malefícios do leite, bem como a vacinação, alopatia, cafeína e tantos alimentos. Só veja pela lógica de que existe uma indústria bilionária por detrás dessas campanhas (ou quem sabe até tri). Mas busque a lógica diante das coisas e ela aparecerá. Existem diversas substituições e soja não deve ser o principal foco (contém químicas que não são boas se consumidas em grande quantidade). Isso é sempre coisa da matrix sistemática que só apela pelo dinheiro; eles nos fazem acreditar naquilo que querem.

      Pois bem, mas olhe o caso das crianças da China, das intolerâncias nunca vista em tão alto nível como agora, vá lá numa indústria de vaca leiteira, assista aquele documentário sobre os ‘bebes nestles’, ou então pesquise o que existe no leite animal e nos vegetais e veja a diferença você mesmo.

      Desculpe, mas informação é o que há!

      • http://www.facebook.com/mariana.d.castro.12 Mariana De Castro
        Onde posso ver o documentário “bebes nestlé”? Obrigada!
      • Micael
        Industria Bilionária??

        Se temos de associar interesses comerciais a campanhas ou anti campanhas certamente que o produto mais suspeito é a soja, pois a sua produção é na sua grande maioria controlada não por um país, mas por uma empresa multinacional

        a soja utilizada na produção comercial é patenteada pela empresa que a produz e ainda produz o herbicida que é utilizado na contenção de infestantes na cultura da mesma. Isto a nível MUNDIAL. Dizer que o leite é um santo graal é claramente uma mentira. mas é sem duvida alguma um alimento bastante importante. quer a níveis nutritivos quer a níveis ambientais. pois apesar de as vacas serem ruminantes e produzirem gases nocivos para a camada de ozono, a produção de alimentos para as mesmas (forragens) é a principal causa para a renovação do oxigeno

        No caso da China

        A população chinesa começou a consumir leite à cerca de 5 anos (por razões económicas) tendo em conta que se qualquer mamífero perde a capacidade de fazer a digestão do leite após um longo período de abstinência uma criança por exemplo de 10 anos que começa agora a consumir leite ira ter problemas na digestão do mesmo, tornando-se intolerante.

        Esse problema é rapidamente ultrapassado, pois o organismo volta a produzir as enzimas necessárias após um período adaptação

        Mas voltando ás campanhas e anti campanhas, estes estudos sobre os malefícios do leite surgiram nessa altura. quando uma população está em mudança, como a China, esta é a melhor altura para se criarem hábitos nos indivíduos os chineses estavam, e ainda estão, a beber o leite errado. do ponto de vista de determinadas corporações.

        Quanto a religiões Benfiquista, Portista e Criacionista evolucionista o primeiro conflito não é mais estúpido que o segundo

        Se é que me entendem!!!

    • Rita
      também concordo senhor Luís é como o das vacas loucas. o que faz mal são os químicos injectados nos animais para encher os bolsos aos produtores e agora atiram a culpa para o leite. o leite não quem veio com essa de fazer os animais ingerirem hormonas e antibióticos é que é o responsável e culpado, porque se o leite vier limpo como é de natureza sem esses aditivos já é bom para a saúde
      “No meio de tudo isto ressalva-se apenas que lacticínios naturalmente processados e sem adição de açúcares ou adoçantes estão já livres de acidez e os estudos atestam que o iogurte, as natas e o kefir que não possuem rBGH (hormona) têm francos benefícios para a saúde humana.”
      • Micael
        Minha senhora o Leite vem “limpo” pelo menos em portugal

        o problema é que os retalhistas nacionais vão buscar leite a outros países a preço demasiado baixo para ser de qualidade. e esse não sei de onde vem

    • Helena Alves
      Boa Luís Matos!… eles não querem governar pessoas, querem governar gado manso.

      Aliás não é isso que quer dizer Goy lá no Pentateuco? afianal enquanto que o gado se apascenta eles banqueteiam-se com os novilhos…

      Sim a Monsanto usa muito a soja… e claro está transgénica. Mas é evidente que os cientistas não explicam os malefícios dos OGM, podem perder o emprego… e também se esquecem de falar dos aditivos e dos 400 milhões de toneladas de poluição libertadas na Europa desde a II G. G!! depois o leite e a carne fazem mal e tudo acredita na lavagem cerebral. O melhor é o pessoal deixar de comer, porque faz mal à saúde. E se todos comessem os livros como o comentador abaixo gracejou, seriam todos muito mais felizes. Apre tanta credulidade nos cientistas.

  • João
    Como em tudo, cada organismo manifesta-se de forma diferente e no seu tempo próprio. Acredito que muitos organismos nunca mostrarão, de forma atempada, os efeitos negativos de certos alimentos que comemos até estarmos gravemente doentes.

    Sou um exemplo real e vivo dos efeitos negativos do leite de vaca. Fiz vários testes de alergias, nunca acusaram nada, e demorou-me 20 e tal anos para entender que que me estava a fazer mal, era justamente o leite de vaca através do despiste como se faz com os bebês nos primeiros tempos de vida. Quando confrontei o meu médico de família com a minha conclusão, ele disse me que tinha estado nessa mesma semana numa conferência em que descutiram os malefícios do consumo do leite de vaca nos humanos.

    Coincidência ou não, a partir dos 15 anos comecei a sofrer de uma doença que deixou de se manifestar assim que removi o leite de vaca da minha alimentação.

    Portanto para mim está notícia é muito válida e tento passar a palavra o mais possível. Quem sofre se alguma doença que os médicos não conseguem resolver, ou sintam constante mal estar, estejam sempre com gases, incômodo intestinal ou outra coisa qualquer, analisem aquilo que estão a comer, a resposta pode estar aí. Não se esqueçam que somos organismos perfeitos e que nunca devemos adoecer. Só ficamos doentes porque expomos o nosso organismo a certas agressões constantes que o sistema imunológico deixa de conseguir dar resposta.

    • Manuel
      Caro João, achei muito pertinente o seu comentário. E achei-o pertinente porque há vários anos que sofro de refluxo gástrico. Apesar de várias endoscopias (que revelam “apenas” gastrite crónica de atividade moderada…que, segundo os médicos da especialidade, é indolor), apesar do inibidor de protões que assiduamente tomo, não encontro forma de travar o referido refluxo.
      Por outro lado, sou um consumidor diário de leite magro (o leite, embora potencie a produção de acidez, no momento em que é ingerido, devido às suas propriedades, “transmite” uma sensação de bem estar).
      Portanto, associando esta notícia ao seu comentário fiquei a pensar se o leite não será o causador deste refluxo?!
      • Dionisio facadas
        eu acho estranho você ter feito várias endoscopias e não ter pensado antes nisso.
        Eu deixei de tomar leite normal há 2 anos e sinto me melhor. Deixei de ter fezes líquidas e gases ao acordar. Mas continuo a tomar outros lacticinios, e quando como um queijo mais forte sinto logo os problemas de volta.
        Costumo também beber o leite sem lactose, mas vou tentar parar agora também porque é caro e já não me sabe bem.
      • cdarcie
        Minha filha tem grave refluxo ocasionado pela alergia alimentar, especialmente o leite. O refluxo é uma das formas mais comuns de reação ao leite (quando a pessoa tem problemas com ele).
        • Lis Normandia
          todos temos problemas sempre com o leite de vaca. pode ser que não o associemos ao consumo desse ainda.
          Lis Normandia
        • Damares
          querida, curei o meu refluxo com suco de limão. tente com ela também…. faça limonada, mas evite o açúcar…..
          o bebe da minha amiga sofreu muito com isso, ela começou a tomar limão e passava para o leite materno e ele sarou….
          tente!!! quem sabe dá certo pra ela também…
        • veronica
          Eu sou um desses exemplos andei mts anos a sofrer de enxaquecas cronicas e mt reflux ptoblemas gastroentestinais dores abdominais inchasso na barriga maos e pes um dia fiz uma alergia a um medicamento onde a medica me fez isames e me disse que eu fiz alergia ao medicamento mas tambem esta va envenenada eu disse envenenada ela disse sim o seu pancreas esta mt mal,!!!seguindo dias ela liga me e disme tenho os resultados dos seus examens voce e intolerante a lactose !!! Dede esse dia fiz a minha vida sem leite ou as vezez que eu bebo e srm lactose ou injiro uns comprimidos antes de comer queijo ocasiao rara …pois me surpriendi perdi 7kilos fiquei sem enchaquecas que duravao 2 a 4 dias nunca mais soube o que ere reflux desapareceu inchasso… a minha vida mudou tive um bebe que so lhe fou leite sem lactose e derivados sem lactose pois o meu filho nunca teve uma colica e e uma crianca mt calma… com isto so queria vos deixar a minha opiniou que o leite so faz e mal para a saude boa noite a todos
      • Rui
        Para resolver o problema do refluxo, teste dormir alguns dias com uma almofada mais alta. Conheço casos onde esta simples solução resolveu o problema de anos.
        • joão santos
          essas opinioões são todas válidas mas eu sofro de refluxo á oito anos eliminei o leite tomei tudo que havia para tomar fui a vários especialistas fiz todos exames posiveis e emaginários quem já os fez sabe do que falo terriveis e acabei por ser operado á um ano atrás (fundiaplicatura de nissen) após um ano estou pior do que antes de ser operado o cirugião diz que sou um caso raro e que tenho que ser operado novamente,e receitoume três medicamento.
          • Raquel Souza Leite
            Faça uso de compostos de plantas medicinais direcionada a problemas estomacais, elas melhoram muito os casos de refluxo. (Espinheira santa, carqueja, alcachofra, camomila, ipê roxo, salsa parrilha, chapéu de couro, e quina preta). Já vem pronto, todas essas plantas juntas em um só vidro e é só adicionar duas colheres de sopa do fitoterápico em meio copo de água e tomar três vezes ao dia 30 minutos antes das refeições, eu trabalho com eles , mas você pode encontrar em qualquer loja de produtos naturais.
          • Debora Alves da Luz
            Já cortou o glúten?… sarei completamente do refluxo qd tirei…O glúten é veneno!
          • são Vidigal
            A substancia a que se é alérgico pode provocar choque, isto é pode morrer, por isso, se for alérgico a marisco, ou a isto ou aquilo, não deve comer: PODE Ñ CHEGAR ATEMPADAMENTE AO SERV. URGÊNCIA!!!!
          • Ana
            Caríssimo João tente procurar um fisioterapeuta que trabalhe com disfunção diafragmática ,pois tensão sobre os pilares do diafragma podem causar alteração no sistema estomatognático assim como na deglutição e causar alterações sobre a cárdia (O cárdia é uma banda circular estreita, de músculo liso, com cerca de 1,5 a 3,0 cm de largura, na transição entre o esôfago e o estômago, responsável por regular a passagem do alimento de um órgão para o outro, além de impedir o refluxo deste),
          • Helena
            Bom, as situações podem ser diferentes, mas no meu caso, eu tinha refluxo, fiz todos os exames possíveis de intolerância lactose, glúten etc. Mas só descobri o que era a causa quando fiz endoscopia, era a bactéria H PYLORI, fiz o tratamento e nunca mais tive problemas, mesmo assim raramente tomo leite.
      • http://jurispro.net/ José M. Ruas
        Tome um chá de Eupatória e Ulmária (junte metade de cada) e deixe de tomar o inibidor de protões. Garanto que vai passar o seu problema de refluxo.
      • Braziliangirl
        Manuel no seu caso porque nao botar a prova pare de tomar leite por 1 mes e veja como se sente dai tera sua resposta! de qualquer forma leite nao e bom pro corpo apos os 5 anos de idade. Boa sorte!
      • mike
        Tenta acunpultura, em mim ajudou bastante. melhorei 60%.

        tenha tambem a atençao a sua vida sentimental, as doenças gastricas são fomentadas pelos desiquilibrios emocionais, fazendo o cerebro (que dá a ordem ao estomago) nao regular correctamente o desempenho do estomago. Eu sou consumidor de leite, farinhas lacteas, queijo, iogurtes etc.. tenho gastrite cronica e Refeluxo(revelada em endoscopia). Procure um acunpuntor e um psicologo

        • margui
          Lacteos e Gluten receita mortal!! tomei anos e tinha todo o tipo de problemas,gases, refluxo e artrite reumatoide, parei de tomar e comer lacteos e tudo que contenha gluten e fiquei boa!! experimentem!
      • César
        Caro amigo, sofro de um mau funcionamento a nível da vesícula, o que origina que certos alimentos que causam refluxo e me dêem uma azia terrível. Tal como diz, várias vezes, quando estava com azia, bebia leite pois dá uma sensação de conforto imediata mas a verdade é que o problema sempre persistiu. Há uns meses deixei de beber leite. Apesar do problema não estar solucionado, a verdade é que agora, os problemas de acidez diminuíram consideralvelmente ao ponto de estar à vontade para comer qualquer coisa que raramente tenho refluxo.
      • Marlon Henrique
        veja aqui um estudo mais completo sobre o leite. http://www.youtube.com/watch?v=3ls7BTyEPLk
      • Ana Sofia Melo
        Ja procurou um dietista ou nutricionista para falar sobre o seu problema? Esses sim sao profissionais q o poderão ajudar a fazer a melhor escolha. Alimentos como o café, chocolate, alimentos gordos (enchidos, p.e.), queijos, e deitar logo a após a refeição são alguns dos pontos q prejudicam em relação ao RGE (refluxo gastroesofagico). AnaMelo, Dietista
        • Debora Alves da Luz
          Senhora dietista…deixou de mencionar o principal…o glúten deve ser retirado imediatamente de qualquer dieta sana! Minha vida mudou radicalmente depois que removi esse inimigo da minha vida!
      • E.
        Tenho 30 anos e sofro do mesmo, e é raro o dia em que consumo leite (consumo mimosa magro – refiro-o pois já notei que tanto o do continente como o do pingo-doce (magro) é 10x pior para mim, mas não sei se é devido ao leite em si, ou a habituação pois bebia mimosa magro desde criança) sem ficar automaticamente cheio de dores. O mesmo para iogurtes, líquidos ou não. Queijo já depende se tenho andado bem ou não, dá a entender que, se estiver bem, um consumo moderado (no meu caso muito irregular) não cria problemas, mas se já estiver mal não ajuda. Outro alimento regular e “indispensável” é o azeite, é um alimento bem identificado como um causador de azia, e eu já constatei que também não ajuda no refluxo. Geralmente não tenho problemas pois tenho a felicidade de consumir azeite de qualidade (directamente do lagar), em oposto ao comercial em que 99% é inferior (geralmente diluído, e como sabem o azeite não dilui em água – o que é não sei mas destrói-me o estômago). Infelizmente é uma busca pelos ingredientes que fazem mal, e acho que cada caso é um caso.. (das piores coisas que posso comer é peixe cozido.. algo tomado universalmente como saudável e apresentado em todos os hospitais).
        • Dani Silva
          Não sou profissional de saúde, mas tenho algumas sugestões simples que poderão ajudar. Beber água mal acorda, em jejum, para limpar o sistema digestivo. Tomar o pequeno-almoço cerca de 30min depois.

          Evitar produtos animais (leite, ovos, carne e peixe) e consumir muita fruta fresca e vegetais verdes.
          Beber o mínimo possível à refeição, e beber à vontade entre refeições (2 a 3h depois de cada refeição, até 30min antes da refeição).

          Fazer do jantar a refeição mais ligeira do dia (o meu costuma ser fruta e torradas, por exemplo). Evitar comer menos de 1h antes de ir dormir.

          Espero que tudo corra pelo melhor.

        • Debora Alves da Luz
          É só cortar o glúten e os chás devem tomar o lugar do café e do leite…e o açucar jamais deve ser ingerido pois não é algo natural e nosso organismo não sabe o que fazer com ele…simples assim!
      • Igor Manuel
        Verdade sr. Manuel. Durante anos descobri k tinha refluxo grástrico ( PH elevado) numa consulta de APNEIA DO SONO. Fui a esta consulta pk durante a noite acordava com uma sensação de falta de ar e uma acidez terrivel na garganta. O meu médico de familia inclinou-se para a APNEIA DO SONO e fui a uma consulta. Nem precisei de fazer nenhum exame. O BOM PROFISSIONAL que me consultou com 1/2 duzia de perguntas disse-me logo que o meu problema não era APNEIA DO SONO, mas certamente, por ter como costume beber um copo de leite ao deitar, um elevado PH k me provocava o acordar de noite com a sensação de falta de ar e com a garganta a arder, etc. Receitou-me 2 medicametos, em k um deles foi de proteção do estomago e deixei de beber leite. Até hoje nunca mais tive esse problema, exceto quando por ” gulosisse” não resisto a um copo de leite e umas bolachinhas antes de me deitar. E nessas noite, lá vem o maldito refluxo.
      • Anderson Rodrigues Gonçalves
        Tenho o mesmo problema que vc Manuel. Só que no meu caso quando tomo leite esses sintomas se intensificam. Daí removi o leite da minha alimentação. O engraçado é que queijos e iogurte não me fazem mal.
        • João Maurílio
          Olá Anderson, tudo bem ?
          A coalhada também não lhe fará mal porque nesta apresentação o leite estará pronto para ser digerido; ao contrário o leite cai no estômago e fermenta .
      • Deolinda Santos
        Manuel, sofro do mesmo, gastrite crónica e devido à acidez do leite, deixei de beber há mais de 10 anos. Bebo outros leites, mas tento incluir nas minhas refeições, alimentos alcalinos (são o contrário de ácidos). Se pesquisar encontrará muitos alimentos alcalinos. Um copo de água morna com sumo de limão de manhã em jejum é um ótimo remédio. O limão aparentemente ácido, quando em contacto com o nosso estômago, automaticamente vira alcalino, protegendo-nos assim o de gastrites.
        .
      • Estefany Castro
        Também possuo refluxo e o venho combatendo com limão sem açúcar.

        Todas as vezes que tomo leite ou qualquer alimento que possui cafeína o refluxo ataca.

        Cortei completamente a cafeína (exceto pelo chocolate às vezes), o leite e seus derivados.

        Visite esta página Manuel:
        http://www.docelimao.com.br/site/limao/conceito/6-limao-x-sistema-digestivo

      • Fransciane Mendonça
        Tente tratar seu refluxo Manuel, com acupuntura. Obs. O leite faz realmente muito mal.
      • Laura
        pare de tomar leite enquanto é tempo, antes de desenvolver um câncer!
    • Jorge
      Caro João. A sua história é a minha. Durante anos sofri de muitas alergias, pele e respiratórias. Tomava comprimidos todos os dias e sempre com bombas atrás. Entretanto vi na televisão a possibilidade de o leite ser o factor destas crises, e com 15 anos, sem dizer nada aos meus pais nem médico(pois já os tinha avisa e foi posto de lado) deixei de beber leite e tomar os comprimidos um mês antes da consulta de rotina. Fez-se o milagre. Hoje com 35 bebo leite 1 vez por mês, porque gosto, pois antes era quase um 1 litro por dia. Diminuí também no consumo de laticínios e quando abuso já os meus mais próximos me avisam: “Esta semana vais ter crises”.
    • Lis Normandia
      com certeza organismos podem reagir de formas diferentes a diferentes ambiente, comidas, remédio, e muito mais. mas algo que não é coerente com a espécie humana sempre causará problemas, mesmo que não consigamos associa-los as isso. o leite não é próprio para consumo humano.
    • Paula
      Nossa, seu texto deveria se tornar um artigo em algum jornal ou algo do tipo.. Fantásticas palavras! Me fez abrir os olhos sobre alguns pontos do meu cotidiano!
  • http://www.facebook.com/people/Paulonce-Mahravílha/100001003072677 Paulonce Mahravílha
    Sera que o leite de soja, não sendo produzido a partir de um mamifero, é prejudicial, ou pode ser um bom substituto do leite de vaca?
    • mportela
      O leite de soja antes de mais não deveria ter esse nome para não enganar os consumidores, por ser esbranquiçado e precisar de marketing chamam-lhe leite, mas não o é de facto, tendo componentes muito diversos de qualquer tipo de leite animal.

      Para começar o facto de ser vegetal retira-lhe o peso sobre o colesterol mas por outro lado possui níveis muito baixos de cálcio.

      O leite de soja contém isoflavonas que funcionam de forma semelhante ao estrogénio e os estudos mais recentes dão-no como nefasto e activador de cancros de mama, provocador de esterilidade masculina. No entanto isto só é relevante se consumir 1 litro ou mais de soja por dia.
      Ou seja, o leite de soja é comparativamente com o leite de vaca muito mais saudável, mas não é de facto um substituto por não ter cálcio (evite leite de soja tratado ou enriquecido por vitaminas e cálcio)

      • http://www.facebook.com/people/Paulonce-Mahravílha/100001003072677 Paulonce Mahravílha
        Obrigado pela sua resposta. Há tempos tinha lido num site de musculação que o ser humano era o único mamifero que continuava a beber leite depois de periodo de aleitamento, podendo este, estar associado a cancro e a algumas doenças. Acho que depois de ler este artigo, confirmou ainda mais a minha decisão de dizer não ao leite.
  • pica
    Para quem tem o minimo de conhecimentos na área,isto é simplesmente um absurdo!
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      A julgar pelo seu comentário se calhar os estudos deviam ser encomendados a si e não a cientistas qualificados!
  • http://www.facebook.com/vagnervarg Vagner Vargas
    Essa matéria é tendenciosa e vai de encontro a tudo o que a ciência e bioquímica já comprovaram por uma série de estudos e pesquisas publicados em revistas com alto fator de impacto. Notícias levianas como essa prejudicam todos os esforços governamentais de diversos países no combate a uma série de doenças.

    O teor sensacionalista dessa matéria fica evidenciado ao não citarem os artigos e os journals científicos que embasaram esses pseudo-argumentos. Nem tudo o que se publica é ciência. Por esse motivo, temos que pesquisar publicações em revistas conhecidas no meio científico como contendo alto impacto (ISI) e ver o que vários estudos indicam. Esse tipo de informação que foi aqui referido me parece mais uma postura política particular de alguém ou algum grupo que esteja querendo vender uma ideologia.

    O que foi publicado aí não é ciência!

    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Definitivamente há gente que não sabe ler ou nunca aprendeu a seguir hiperligações que levam às bases de alguma coisa publicada: as fontes estão disponíveis ao longo do texto e no final do mesmo, se as seguir vai ter a um artigo, ou mais, semelhantes a este, que incluem também eles fontes e inclusive os estudos exactos… chama-se investigar antes de dizer barbaridades!

      As fontes valem o que valem meu amigo… porque é que a ciência que o senhor defende é melhor do que a ciência aqui exposta?! A sua postura é que é nitidamente vendida à política vigente pois cede com facilidade ao carneirismo que o ensinaram a aceitar como verdadeiro. Acorde!

  • gabriel
    e relativamente aos derivados do leite, conhecem algum estudo? são benéficos ou não?
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      de cabeça posso dizer-lhe que os subprodutos do leite possuem em geral os mesmos riscos mas em menor quantidade, mas tudo depende da forma como são confeccionados e do tipo de transformação química que passam… grosso modo de todos eles o pior poderá ser o queijo fresco e os menos nefastos (ou mais saudáveis) serão o iogurte e o kefir.
  • http://www.facebook.com/sandra.san.me Sandra Caetano
    leite em po tambem faz mal? Porque segundo o meu omeopata e o unico que tem calcio, porque o normal nada tem. E o que bebo mais , eu tenho de consumir mt calcio, porque tenho um problema grave de coluna. Como tambem muitos broculos justamente pelo calcio..mas adoro leite portanto gosto bastante deste em po tb e mau? ..E estupido porque em tempos vi ate numa revista que o leite fazia bem a pele..a cada ano nova historia-.-
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Em princípio o leite em pó terá muito menos riscos… mas na realidade leite em pó não é leite de todo. Trata-se de um composto/complexo de componentes como o cálcio, a lactose, as vitaminas, etc e tem os mesmos riscos que qualquer outro fármaco que esteja a tomar.
    • Ska
      A partir do momento em que tens oemopata (sic), é um bocado desnecessário preocupares-te com o que faz bem e mal.
  • Nuno MagalhÃes
    espero bem que isto seja mentira….uma coisa que nos ensinam desde putos,faz parte da nossa dieta,essencial!!sera que foi inocente?!
    incrivél…mais valia ter ficado mais burro ainda
    agora pergunto eu serÀ que ensinaram o mesmo em escolas para gente rica?!ou foi só aos mais pobres…para terem uma vida mais curta com mais doenças e mais dependentes dos mais ricos ou poderosos,se é que me tou a fazer entender!!..fica no ar a pergunta,sem resposta claro
    • Ska
      Claro que é só aos pobres. Alguma vez viste um rico a beber leite? Isto é tudo culpa dos illuminati.
    • Carne unida jamais serávencida
      NADA TEMEIS! Eis a resposta!
      Sim numa escola para ricos também dizem que o leite faz bem à saúde.
  • http://www.facebook.com/vitor.lubave Vitor Lubave
    Hahaha, realmente :p
  • Sónia Tomé
    Sinceramente, o q aqui está dito, na minha opinião, é só uma campanha contra o leite. O cálcio faz falta ao organismo, o leite de vaca é o mais parecido ao da mulher,por isso é o mais utilizado. Normalmente as vacas não levam hormonas, ou pelo menos não as de Portugal, elas dão à luz naturalmente e desde q seja todos os dias retirado leite do úbere, elas dão esse mesmo leite durante uns bons meses, e o processo é sempre o mesmo, um ciclo.

    O cálcio do organismo é regulado pela vitamina D, vitamina D esta q até é fornecida pelo Sol. Um copo de leite de 250mL fornece 32% da dose diária recomendada de cálcio, e ainda acham q o leite não é bom para os ossos? Claro q cada organismo é um organismo, mas esta campanha anti-leite, é ridícula.

  • Morgana Silva
    kkkkkkkkkkk
  • Ana Teresa
    que parvoíce dizerem que o leite é prejudicial!!!! Nem me apetece explicar, mas há aqui boas explicações – O LEITE É MUITO SAUDÁVEL E CADA VEZ CONSUMO MAIS LEITE E OS DERIVADOS – SÃO ESSENCIAIS À ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL!!
  • Irondina Santos
    eu sempre bebi leite, cheguei a beber quase 1,5 l de leite por dia, resultado: tenho 49 anos e nem sinal de osteoporose e já entrei em menopausa, tenho até certas zonas do esqueleto com osteofitos, que significa formações ósseas extra osso normal do esqueleto, reduzi um bom bocado a dose de leite e melhorei um pouco, mas não deixei de o beber e adoro. acho que o que acontece é que cada pessoa reage de maneira diferente
  • Paulo
    Para os bloquistas/comunas/marginais/vegans que são contra tudo o que é normal para a sociedade: bebam o que vocês quiserem, comam terra, fumem ganzas e outras cenas maradas..e básicamente lixem-se! Nós, os normais, continuamos a comer o que nos apetece e aquilo que a ciência verdadeira (aquela que não se baseia em mitos e superstições) aconselha.
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Prepare-se para mudar a sua dieta porque a sua ciência verdadeira acaba de anunciar que o leite não é pertença de uma dieta saudável… ou Harvard vai deixar de pertencer ao seu grupo estimado de cientistas verdadeiros?

      http://portugalmundial.com/2013/04/harvard-retira-laticinios-da-dieta-saudavel/

      Pode ser que também lhe aumente na tolerância e lhe poupe na necessidade do insulto.

  • Nuno
    Com ou sem manteiga??? Eu comia creme nivea a pensar que era manteiga e estou vivo!
  • Nuno
    Não sei quem és mas a responder és uma fofura! lol
  • CarloPark
    Mas eu gosto de leite :( com Chocolate!
    Fogo :( já me tiraram o emprego, a namorada, a independencia, agora o Leite??? Daqui a nada tambem me tiram o Pirilau :
    • Isabel Seabra
      :) Independentemente da minha opinião sobre esta matéria, confesso que este foi o comentário mais divertido da discussão.

      Sou vegetariana (há alguns anos) assim como o meu filho do meio e a minha filha mais nova (opção deles). O resto do agregado familiar não é, embora, tendencialmente tenham acabado por ser render a este tipo de alimentação com que convivem diariamente. Isso significa que por vezes confecciono alimentos como carne e peixe (sem os provar).Como mãe (sobretudo nesta qualidade) preocupo-me com os efeitos possivelmente nefastos de certo tipo de alimentos na saúde a médio e longo prazo da minha família.

      Para mim o leite de vaca tem uma conotação emocional. Está ligado à minha infância e era aquilo que eu ainda conseguia ingerir porque era um verdadeiro pisco a comer.Mas era um leite muito mais genuíno, não sofria grandes manipulações desde a vaca ao nosso copo. Mas isso acontece com a maioria dos alimentos que cegam agora aos nossos pratos. Estudei muito os prós e contras antes de me tornar vegetariana. Fiz a minha opção e não me tenho dado mal com ela.Os exemplos dão-se fazendo e demonstrando, sem impingir. A internet é um perigoso veículo de desinformação. E antes de mais um importante instrumento de manipulação para pessoas que tem preguiça de pensar por elas próprias , de investigar, de estudar.

      Todas as opções que tomamos na vida comportam uma dose de risco ( a isso chamo eu viver).

      Agora de uma coisa tenho eu a certeza, quanto mais naturais forem os alimentos que digerimos mais probabilidades temos de ser saudáveis.

      Amamentei os meus filhos bastante tempo (mesmo sem licenças de parto) e cozinho diariamente para todos os que vivem comigo.Leio detalhadamente os rótulos dos produtos que compro no supermercado.Tento criar um equilíbrio e ganhar algum discernimento no meio de tanta publicidade e informação contraditória.

      O Mundo felizmente ainda é um lugar onde podemos encontrar alimentos saudáveis. O que me espanta é que , numa época em que existe tanta oferta as pessoas se alimentem de tão pouca coisa.

      • Susana Ventura Rodrigues
        Melhor coisa se puder, compre leite diretamente de pequeno produtor. O problema são as industrias de leite e o que adicionam e tiram !
        • Lis Normandia
          a questão não é apenas se o leite passa por industrialização. pode acreditar e de preferência pesquisar. só o fato de ingerir algo que não será digerido de forma natural em nosso organismo, teremos sérias consequências.
      • Lis Normandia
        com certeza , não apenas o leite, mas de uma maneira muito mais comum, muitos alimentos são associados a afetividade. não é assim que a propaganda haje? mas isso também significa um apego. acho que sua conduta foi muito madura.: pesquisou para tomar atitudes. e nesse caso a internet pode ajudar muito.
      • Patrícia Nunes
        Já deixei de comer carne e tenho ponderado deixar o leite, no entanto, fico na dúvida o que hei-de substituir? A soja, ao contrário do que dizem, é um mau alimento, pois trata-se de um OGM. Os OGM são maus para o ser humano e para o meio ambiente, pois são como “parasitas” às outras culturas.
        Tenho sentido benefícios de saúde desde que deixei de consumir carne, mas os alimentos que compramos também não são os melhores, apenas os biológicos é que são de confiança. O ideal é termos a nossa horta e assim sabemos realmente o que comemos!
        • ilsa cardoso
          concordo com vc Patrícia, ter uma hortinha no nosso quintal se for possível, eu tenho a minha e sei que é biológico, sei que estou a comer um alimento saudavel..
        • Margarida Carvalho
          POIS É
    • malupe
      Ahahahahahahahahah esta foi demais!!!!
    • Tiago
      Pelo menos tem sentido de humor! xD
  • Ska
    Para quem escreve “fizes-te”, tens uma lata do carago.
    • Diogo Ribeiro
      Ska, desculpa lá, mas ele não escreveu “fizes-te” mas sim “fizeste-te”, o que quer dizer que o que ele escreveu está correto!
    • Maria Grandoit
      E para quem escreve carago ainda mais lata tem!
  • Rita
    o problema não é do leite mas sim das hormonas e antibióticos que fazem os animais ingerirem para terem mais rentabilidades ao bolso dos produtores isso sim devia de ser questionado e proibido
  • Rita
    Paulo não sei qual é a sua dúvida e problema para insultar e ofender as pessoas se você não concorda com a opinião contraria a sua é uma coisa agora ofender as pessoas e falar mal como tenho lido aqui nos vários comentários acho que merecia ser banido daqui agora lhe digo que o senhor Luís está certo ora lê-a o texto publicado com atenção “apenas que lacticínios naturalmente processados e sem adição de açúcares ou adoçantes estão já livres de acidez e os estudos atestam que o iogurte, as natas e o kefir que não possuem rBGH (hormona) têm francos benefícios para a saúde humana.” Significa que sem esse aditivos que fazem os animais ingerirem para que engordem mais rápido, produzam mais rápido e dêem lucro económico mais rápido aos bolsos dos produtores é que é prejudicial à nossa saúde. Claro que mesmo assim se for ingerido em excesso faz mal pois claro tudo faz mal em excesso. Por isso isto é mais uma propaganda contra o leite tal como o das vacas loucas.
    A fruta que ingerimos tem também os químicos para crescimento rápido e não só e também faz mal e o legumes o mesmo por isso criem também uma campanha a dizer que não precisamos dos legumes e frutas que fazem mal por também estão cheios de químicos para dar lucros aos bolsos dos produtores.
    ^
    O senhor fala mas diga-la qual a sua alimentação???
    Já agora se diz que pesquisando encontramos os ditos estudos sobre esta “descoberta” então se o senhor já encontrou diga lá onde
    • Dani Silva
      Quer comparar substâncias que são dadas directamente aos animais, e depois vêm para o prato, com substâncias que são usadas como fertilizante, que são filtradas pela terra e pela planta, e depois acabam na fruta ou nos vegetais?? Os químicos pulverizados na fruta lavam-se (felizmente as frutas têm casca que as protege minimamente do exterior). Quer experimentar lavar um bife, para ver se as hormonas de crescimento desaparecem?? Acho que dá para perceber que esta comparação entre químicos nos animais ou nos vegetais e frutas não tem sentido…
      • Rita
        então não fazem sentido… é porque não sabe o que são esses químicos, nem essas hormonas, então não coma peixe também coma só ervinha
        • Dani Silva
          Desta vez acertou em cheio. Também já exluí o peixe da minha alimentação diária. Mas agradeço mesmo assim a sugestão.
      • http://www.facebook.com/ricardo.taveira.35 Ricardo Taveira
        Herbicidas,pesticidas e fertilizantes químicos não são filtrados pela terra,não sei onde tirou essa ideia!!E isso dos químicos saírem quando lavamos a fruta!!
        Hoje em dia as grandes empresas que vendem as sementes de muitos dos vegetais e frutas que comemos,já vêem alteradas tanto geneticamente como a nível de químicos,os quais as próprias plantas produzem. Posso lhe dar um exemplo;em França na altura da lavoura, alguns apicultores perderam centenas de colmeias e não faziam a mínima ideia do que tinha causado tamanha destruição. Chegaram à conclusão que o motivo era as nuvens de poeira que se formavam na altura da lavoura e com a ajuda do vento espalhavam-se por centenas de km.
        Um facto curioso,morrem mais abelhas no campo do que na cidade!Porque será??
        Tenho alguns amigos que optaram por uma alimentação exclusivamente vegetariana e reparei que ficaram mais desligados de tudo,não sei,mas nunca mais foram as mesmas pessoas. Eu gosto de tudo um pouco,mas uma coisa é certa,os animais são alimentados com rações e não com pasto,e os vegetais são produzidos com a ajuda de insecticidas e fertilizantes químicos…
        • Dani Silva
          Resposta certíssima. No entanto, não invalida o que está a ser aqui discutido. Os produtos dados aos animais afectam mais facilmente o ser humano que os consome, do que os produtos colocados nos vegetais e frutas. E a prova disso é que são normalmente piores e mais frequentes as doenças por intoxicação devido a produtos animais (normalmente problemas nas carnes, ovos ou molhos com laticínios) do que as intoxicações originadas por vegetais ou frutas. No entanto, a discussão não é decidir qual é mais tóxico. É salientar que a carne e os produtos animais NÃO SÃO INDISPENSÁVEIS, mas sim FACULTATIVOS. Depende de cada um a decisão de os consumir ou não. Já os vegetais e frutos deveriam preencher a maior parte da nossa alimentação.
        • Micael
          morrem mais abelhas no campo porque a população está maioritariamente no campo…. tendo em conta que as abelhas procuram zonas de floresta para colmeia (disponibilidade de alimento) estas não fazem como cães e ratos, não procuram alimento em caixotes de lixo. logo se a população não se fixa na cidade, não irá morrer na cidade
  • Rita
    Pelos vistos o senhor já leu esses estudos legítimos então diga lá onde se encontram
  • Paulo Oliveira
    Go vegan!
  • Niku
    Enfim…. teorias da conspiração… é certo, quem é tem alergia a determinados alimentos, obvio que vai sofrer os sintomas… agora isto?
    For God sake…
    Se for assim por favor minha gente, nao vos alimentais do que vos fazende mal, ou seja, tudo! evitaindes tudo o que vos seja projudicial, nao comeis, nao bebeis, e nao respiraindes!
    Cheers 😉
  • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
  • RE
    Existem inumeros tipos de alimentos ricos em acido folico, alimentos gerados pela natureza. Deus criou tudo o que precisamos para sobreviver, nao é necessário matar animais para ser saudavel e ter todas vitaminas e proteinas… a TERRA nos dá tudo para viver beeeeeem melhor. Egoísmo nosso achar que precisamos de carne para ter a vitamina ou proteína que precisa… Ja viram um video ou leram algum artigo sobre os matadouros? Ja estão cientes quanto ao sofrimento desses animais? E nao existe lógica mesmo para beber leite de vaca. O leite dela foi feito para a cria dela, assim como nos mulheres produzimos o leite materno, que só serve para nossos filhos, para nos humanos. Como a sociedade consegue nos enganar direitinho não? A NATUREZA MOSTRA É SÓ OBSERVAR.
  • http://www.facebook.com/cleverpepe Cleverson Pépe
    Já foi provado por milhares de estudos e testes pelas mais renomadas universidades do mundo…o leite e a carne é indispensavel para todos desde os primordias da humanidade…e não adianta tentar dar explicações fajutas pois tambem já foi provado que vegetarianos na velhice sofrem de graves problemas nas articulações e fraqueza mental…então bora tomar leite e comer carne…e abaixo a hipocrisia…
  • http://www.facebook.com/jeanne.m.hauri Jeanne Marie Hauri
    JÁ lá vão 3 anos que não o tomo, sómente os yogurtes e queijo…..me sinto perfeitamente……ACONSELHO.
  • Dani Silva
    E, para completar esta notícia, há agora esta: http://portugalmundial.com/2013/04/harvard-retira-laticinios-da-dieta-saudavel/ neste mesmo site, que confirma que o leite não é essencial, e nem sequer recomendável, na alimentação humana. Mais argumentos podem ser encontrados no artigo “Segredos da Longevidade” da National Geographic, no documentário “Got the facts on milk?” ou no artigo científico “the china study”. A informação está disponível. A escolha é sua… a saúde também… mas a partir de agora, não pode dizer que ninguém o avisou…
  • Marlene
    Eu deixei de consumir leite a cerca de três anos, desde que parei a minha saude so tem melhorado. Antes cada vez que tomava leite tinha de ir a correr para a casa de banho, tinha sempre refluxo gástrico e aquela sensação de azia horrível. Assim que passei ao leite de soja terminaram todos esses sintomas. Também passei a comer queijo e iogurtes sem lactose. só muito raramente como queijo com leite e imediatamente sinto os efeitos negativos.
  • http://www.facebook.com/margarida.azevedo.90 Margarida de Azevedo
    Boa tarde, tenho kefir para dar,quem estiver interessado mande um email para:monsterelbow@hotmail.com.
  • Paulo Gomes
    Não concordo com a matéria
  • http://www.facebook.com/tiago.granja.92 Tiago Granja
    Sou produtor de leite e deixem-me que vos diga:

    Isto é propaganda, não é informação!! Ou vocês acham mesmo que : “As vacas leiteiras recebem diariamente hormonas de crescimento e de simulação de gravidez para aumentar a produção de leite, bem como antibióticos vários para diminuir infecções provocadas pelos mais variados mecanismos e químicos a que estão expostas. Estes materiais obrigatoriamente contaminam o leite e o seu impacto para os seres humanos que o consomem é ainda desconhecido.” ???????!!!! ?!

    Alguma vez?! =o

    Ainda que o artigo tenha algum fundamento, está mais que provado com esta afirmação que o objetivo não é informar as pessoas mas sim baralhá-las; tentam de tudo, até esta espécie de chantagem emocional fazendo-os acreditar que são cumplices num esquema de exploração massiva de “pobres animais manipulados”.

    PS – vegetarianos vivem mais tempo?! Os nossos avós e bisavós não eram vegetarianos, fartaram-se de beber leite de vaca, e também viveram longos anos. (sem problemas de saúde).

    • Helena Alves
      É claro que é propaganda! a Informação verdadeira desapareceu nos finais do séc XX. Tudo o que disse o Tiago Granja é verdade. O meu pai, o meu avô e o meu bisavõ pertencem aos produtores de leite. Tanto o meu avô como bisavô, tomaram leite toda a vida e morreram com mais de 90 anos. Quanto ao ser vegan, é para amansar o pessoal. Tá a dar é o “pacifismo”… eles assim podem fazer das pessoas o que querem… torna-se tudo legal; a mentira, o roubo o estupro, ou acha que a civilização chegou ao ponto de engolir tudo sem protestar porquê? Lavagem cerebral… e claro, falta de sangue na guelra, como se costuma dizer.
  • bruno nunes
    concordo… levei muito tempo a descobrir por mim próprio que o leite era mau para mim… desconforto intestinal, refluxo, e algumas alergias de pele de certeza que também vinha do leite. embora começou na fase adulta… agora faço muito pouco consumo de leite. só bebo com café de manhã… ainda assim vou tentar evitar ainda mais…
    também já tive uma consulta com um médico e foi o único a dizer que o leite era o pior alimento para a saúde …
  • http://www.facebook.com/valeriojmr Miguel Valerio
    Digam isto aos milhões de crianças famintas e subnutridas em África, na Ásia, na América do Sul e na…Europa. Talvez a Harvard School of Public Health tenha uma alternativa, como por exemplo pedir aos norte americanos para oferecer os excedentes de leite (e não em pó, como faziam nos anos 70 e 80) produzidos pelos agricultores sobre-subsidiados, às ONG, salvando assim milhões de vidas.
  • MATA VACAS
    Numca tinha lido tanta asneira junta!
  • Pedro Oliveira
    acho que começar a fumar então.. o tabaco tem menos contra-indicações que o leite lol
  • http://www.facebook.com/ana.isabel.oliveira100 Ana Isabel Oliveira
    O calcio depende da vitamina D para a absorção, dai que seja importante administrar vitamina D as pessoas com falta de calcio e nao dar meramente leite de vaca. Consumir uma quantidade excessiva de leite prejudica, nem que seja intestinalmente, nao nos adianta consumir mais ou menos a nossa taxa de absorção, so permite absorver aquilo que realmente necessitamos, se sem os mecanismos de transporte de calcio efectivos, nao adianta o maior ou menos consumo. É nisso que a maioria dos estudos se baseia, ” nao e beber mais leite que vai implicar uma maior absorção de calcio” contudo efeitos colaterais, devido ao consumo excessivo. A vitamina D sim e importante, por isso mais do que beber leite, e essencial apanhar o sol adequado!
  • http://twitter.com/rui_palmeira Rui Palmeira
    O estudo vem dos Estados Unidos, uma das sociedades mais atrasadas a nível mundial em pesquisa científica… e vocês acreditam.
    Há pessoas com aversão a todo e qualquer alimento, o leite é só mais um no meio de muitos…. Duvido que a qualidade do leite em Portugal seja tão fraca como quiseram deixar transparecer neste artigo, até porque a pesquisa não foi feita cá, logo não serve nem justifica coisa alguma
  • BioqFCUP
    Sou Bioquimico pela UP, a melhor de portugal, atualmente a tirar PhD no Karolinska Institute na mesma área e por conseguinte fidelidade nas minhas afirmações não vão faltar. De facto os alimentos animais têm não só proteínas mas também metabolitos que são essenciais, e aqui a palavra essenciais significa simplesmente que o nosso corpo não produz tais metabolitos. No entanto hoje em dia a Bioquimica e areas adjacentes evoluíram de tal maneira que praticamente todos esses elementos essenciais são sintetizados in vitro.

    Não estou de todo a defender que se comam apenas vegetais e frutas porque para além das vantagens também têm algumas desvantagens como por exemplo as grandes quantidades de celulose que alguns vegetais têm, uma vez que no nosso corpo não temos celulases, daí não podermos comer madeira por exemplo.

    O conselho que dou é que se não quiserem gastar dinheiro em suplementos farmacológicos que muitas vezes têm efeitos secundários devido aos excipientes usados na produção do comprimido, pratiquem uma dieta variada e sem exageros.

    • Dani Silva
      Excelentíssimo Doutorando, deve saber melhor que ninguém que, à velocidade a que a medicina tem evoluído, o que é verdade hoje pode não o ser amanhã. É bom ver que a própria universidade de Harvard está a dar passos na direcção certa, e já não considera os alimentos lácteos como essenciais (limita inclusive o seu uso, assim como as carnes, especialmente vermelhas). Conto-lhe apenas uma experiência curiosa que um amigo médico fez a título particular… este médico, convertido ao vegetarianismo, achou estranho que hajam nutrientes apenas presentes nos produtos animais (como por exemplo a vitamina B12 que tanta gente fala). Então, seguiu durante mais de 15 anos crianças que tinham nascido Vegans (com excepção para o leite materno, como é óbvio) e tinham crescido sem suplementos alimentares, e verificou que os níveis de B12 estavam perfeitamente normais. Já pessoas que se habituem a uma alimentação com elementos de origem animal, e depois passem para o Veganismo, têm uma quebra nos níveis de B12, mas a médio/longo prazo os níveis voltam a recuperar. Conclusão: O nosso corpo tem, por natureza, formas de sintetizar a vitamina B12, mas o consumo de alimentos de origem animal inibe essa capacidade. Se os alimentos trazem esses nutrientes, o corpo inibe a produção própria. Depois de ouvir esta experiência, achei os resultados surpreendentes e acho que fazem todo o sentido.
  • http://www.facebook.com/MisskyePrivatePage Paulinha Pereira
    Então mas e o leite magro não fará menos mal? O que podemos beber então ao pequeno-almoço ou até mesmo ao lanche? Água?
    • Dani Silva
      Pode beber sumo de fruta ou chá. Há quem coma ao pequeno almoço os cereais com chá frio ou sumo. Eu, pessoalmente, como os cereais com polpa de maçã (tipo “mousse” de maçã”) pois tem as fibras que o sumo não tem. Há também bebidas de soja, aveia ou arroz, mas não são tão ricas nutritivamente, quando comparadas com a fruta. Há muita escolha, só é necessário mudar os nossos preconceitos alimentares.
  • treazure
    Leite faz bem, mas com moderação 😉 um adulto não deve beber imenso leite, pk depois vai ter demasiado cálcio no seu organismo e pode provocar várias doenças – osteoporose, pedras nos rins… Tal como o cálcio, tudo o que seja em excesso pode provocar várias doenças! Eu não vou deixar de beber leite: costumo beber uns 4 copos de leite por semana, bebo quando me apetece.
  • Filipe Carvalho
    O LEITE!!!

    Voçês não teem mais que fazer do que dizer mal daquilo que realmente é essencial na alimentação!

    É claro que há pessoas com intolerância ao leite (e parace que estão todos aqui) como também as há com problemas quando ingerem outro tipo de alimentos!

    Deixem de fazer estes “estudos” e dediquem-se a coisas que possam realmente ser úteis!

    Já agora vocês devem ser também os autores de um “estudo” que li á uns tempos atrás a aconselhar as pessoas a beber 1,5 lt de água antes de deitar dizendo que faz falta durante o tempo de sono (a meu ver deve servir para podermos sonhar que estamos a mijar no alto de um penhasco. Arriscamo-nos é a acordar com cama mijada)!

    VIVA O LEITE!!!

  • http://www.facebook.com/jp.mighty João Fernandes
    Eu penso que o leite pode ser benéfico a umas pessoas, inútil a outras e ainda prejudicial para outras.

    Quanto à discussão que se desenrolou acerca da nossa alimentação, não concordo com o vegeterianismo, porque somos o produto da nossa evolução e o que ela nos diz é que somos omnívoros. Os nossos organismos, independentemente de estudos, estão programados para uma alimentação variada e não restrita a apenas um segmento de alimentos, como carne, vegetais, etc.

    Quanto a alergias e maleitas do género, não considero isso a amostra, uma vez que a maioria das pessoas não sofre desse género de deficiências genéticas, segundo o que sei.

    Para finalizar, respeito os credos e as escolhas de vida das pessoas diferentes de mim, o que não significa que concorde com elas, mas quando se o assunto de centra especificamente na alimentação, cada um, dentro de uma medida RAZOÁVEL, deve ter a liberdade de ingerir o que achar que é melhor para si.

    • Dani Silva
      Peço desculpa comentar a sua afirmação, mas custa-me um pouco que metam o ser humano na categoria de “omnívoro” sem qualquer outra explicação. Os sistemas digestivos dos carnívoros são MUITO diferentes dos nossos (ácidos mais fortes para lidar com bactérias, intestinos curtos para acelerar o processo e deitar a carne para fora antes de entrar em putrefacção), e mesmo os animais normalmente considerados omnívoros têm acidos mais fortes e dentições diferentes das nossas. A categoria de dieta que mais semelhanças tem com o nosso sistema digestivo é a dos animais FRUGÍVOROS (como os chimpanzés). Estes animais comem principalmente frutos, vegetais e tubérculos. No artigo da Wikipédia sobre frugívoros diz o seguinte: “Apesar de incluir frutos em sua dieta, os seres humanos civilizados não são considerados frugívoros, pois não realizam a dispersão das sementes, sendo classificados, portanto, como onívoros”. Ou seja, os seres humanos podem digerir productos de origem animal ocasionalmente, mas o ideal seria ingerir frutas, legumes e verduras. É claro que é preferível ingerir produtos animais do que morrer à fome, e por isso estamos adaptados para o fazer ocasionalmente. Mas se fossemos “feitos” para comer produtos de origem animal regularmente (dieta é o que se come regularmente, e não ocasionalmente), então deveriamos ter ácidos bem mais fortes para lidar com as toxinas da carne, e intestinos bem mais curtos para expulsarmos a carne antes que entre em putrefacção.
  • Ricardo
    Particularmente, sempre bebi leite e continuarei a beber, tal como tantos outros alimentos que ingerimos tem as suas vantagens e desvantagens. Não há nada hoje em dia à venda que seja 100% saudável e todos sabemos isso!
  • jc
    Por acaso já tinha pensado nisso. De qualquer forma já não bebo leite de vaca há algum tempo, pois sempre que bebia sentia-me inchado e indisposto da parte da manhã. Leite de vaca para os vitelos. Penso mesmo que uma organização governamental americana retirou os alimentos lácteos da lista de alimentos saudáveis ou coisa do género.
  • http://www.facebook.com/terapias.orientais.7 Terapias Orientais
    Sou técnico de saúde na área da Medicina Oriental, e, ao longo de mais de 15 anos de prática clínica, venho defendendo e aconselhando os meus pacientes a não beberem leite e seus derivados. Confesso que, mesmo com arugumentos e explicações detalhadas sobre os malefícios do leite, não é fácil convencer as pessoas que existem alternativas ao leite. No entanto, posso afirmar que, os meus pacientes que sofriam de problemas osteo-articulares, problemas digestivos, incluindo a prisão de ventre, e que seguiram o meu conselho de parar com o consumo destes produtos, tiveram consideraveis melhorias ´de saúde a nível geral, incluindo deixarem de se sentir inchadas. O ser humano é o único ser vivo à face do planeta que é suficientemente estúpido para beber leite de um animal que não é da sua espécie. Mais ainda, beber leite que faz crescer um animal até aos 300/400 quilos. Pensem nisto. “Não somos filhos de vaca”
  • kelly
    Não acredito 😀
  • Daniel Pardejo
    A capacidade de digerir a lactose não está presente em todos os povos. Ela está presente em povos europeus, africanos e descendentes destes dois. Uma mutação apenas se fixa no genoma quando ela tem utilidade. No caso destes povo ela tinha uma utilidade e por isso fixou-se…. Não venham agora dizer que tanto tempo de evolução e afinal o nosso genoma estava enganado quanto a utilidade de uma das suas partes…
    • Dani Silva
      Porque não argumentar ao contrário?? O corpo de europeus e africanos teve de se defender do consumo do leite, e desta forma desenvolveu mecanismos para retirar algo de valor do leite, apesar dos problemas que este provoca. Acho que assim, ficamos mais próximo da realidade…
  • Miguel Sá
    Tudo jogadas económicas.
    Meu pai, os vossos pais, avos sempre beberam leite a vida toda. meu pai morreu com 87 anos, os irmão, também consumidores de leite viveram igualmente. Eu bebo e beberei até for vivo.
    Tretas!
    Ha um programa bom a SIC Noticias “Toda a Verdade”. Vejam as jogadas da industria farmacêutica, OMS, OMGs etc…. até inventam doeças…Aconselho vivamente a verem este programa.
    • Dani Silva
      O facto de um fumador viver até aos 90 anos não quer dizer que o tabaco seja bom. O mesmo se aplica ao leite. Se é descoberto que, afinal não é assim tão bom, qual é o problema de aceitar isso??

      Teorias da conspiração?? Se estivessem a dizer que o leite é indispensável, faria sentido que as empresas de leite estivessem por trás. Como dizem que o leite afinal não é indispensável como se pensava, quem beneficia?? As empresas que produzem soja? As empresas de sumos? Não me parece que haja uma relação aqui.

  • Diogo C. Andrade
    Qual é a prova de que o humano não absorve o cálcio do leite? E que estatística mostra que países com menor consumo de lacticínios possuem menor incidência de fracturas ósseas? obrigado.
    • Dani Silva
      Pesquise no google o mapa mundial de percentagem de consumo de leite ou carne.
      Depois pesquise o mapa mundial de incidência de cancro.

      Vai reparar que nos países onde se consomem mais produtos animais, há mais incidência de cancro.

      Coincidência?? Não me parece…

      • Alex
        Claro que não é coincidência..

        Os países em que se consomem mais produtos animais são os países mais ricos (produtos animais são muito mais caros), e em que consequentemente a população tem uma esperança média de vida muito maior. Onde é que você pensa que há maior incidência de cancro? Num país em que a esperança média de vida é 70 anos ou num outro em que a esperança média de vida se encontra por volta dos 30/40?

        Correlação não é necessariamente causação.

        • Dani Silva
          Para África, isso até poderia ser verdade… mas analisemos então apenas a América do Sul… se reparar, o Brasil tem uma esperança média de vida mais baixa que, por exemplo, a Colômbia. Pela sua ordem de ideias a taxa de incidência de cancro (no caso que investiguei, do cólon, directamente relacionado com a alimentação) deveria ser mais alta na Colômbia, certo?? ERRADO! É mais alta no Brasil, onde a taxa de consumo de carne é mais elevada. Como esse, há outros exemplos que pode ver e analizar. Aconselho vivamente a leitura do artigo científico “the china study”. Depois de o ler, tire as suas conclusões…
  • http://www.facebook.com/luis.ventura.3150 Luis Ventura
    Ainda bem k n gosto de leite, e não bebo e tenho saude
  • carlos
    Acho que a resposta sobre para que serve o leite e quando o devemos ingerir é simples. Basta olhar para os animais e perceber em que fase da vida o ingerem. Teremos assim tanta necessidade de continuar eternamente a beber um alimento que é sintetizado numa fase muito própria da nossa existência? Cada um que faça a sua escolha.
  • Pedro Grobel
    Documentário sobre o mal q o leite causa:
    http://www.youtube.com/watch?v=iXgTBh1YPuE
  • Camila
    Muito importante esta matéria para o alerta da população geral que infelizmente é influenciada pela mídia, mas vale reler o texto antes de publica-lo pois há vários erros de ortografia e concordância, o que acaba dando menos credibilidade à matéria.
    Ficaadica :)
  • MManuela
    Para mim, este AVISO já chegou tarde :( e é vergonhoso que os
    profissionais de saúde continuem a IGNORAR factos comprovados.
  • Dani Silva
    Já agora, encontrei um bom artigo sobre a vitamina B12, para todos aqueles que ainda pensam que só se obtém a partir do consumo de alimentos de origem animal.

    A vitamina B12 é produzida por bactérias no nosso intestino!
    http://www.vibrancyuk.com/B12.html

  • aquiEstouEu
    Eu gostava de saber quem patrociou este estudo … e depois tirava umas ricas ilacções.
  • Neusa Somenzari Fallararo
    Tenho 62 anos, e com 50 descobrí que não podia tomar o leite comum pois tinha refluxo gástrico, abdomem inchado, mal estar. Há 12 anos, consumo o leite Baixa Lactose…tenho vontade de parar com esse tbm, mas preciso criar coragem, pois amo leite com café solúvel e canela em pó.
  • Alvaro Duque
    Bom: eu já há muito que não bebo leite, mas sim: o Kefir, e acho que já me foi muito benéfico, foi-me detetado um tumor num rim, mas calcinado, e por isso sem evolução, e acho que foi mesmo o Kefir que o calcinou, pelo sim e pelo não eu continuo a tomá-lo
  • josé carreira
    bom… há já 2 ou 3 anos que não bebo leite e nem por isso me sinto pior, pelo contrario, sinto-me muito bem.
  • cristovao
    Não é a 1a vez nem a ultima q me vou aperceber deste tipo d situações. . Nem td o q sabe bem, faz o mesmo efeito do q sabe.
    Passamos a nossa vida a seguir regras e conselhos para tudo e mais alguma coisa quando se apercebemos q somos um número a mais d cliente, d forma a garantir o sucesso do negócio. . Verdade q sempre fui da opinião q cada mamífero produz leite para alimentar os seus descendentes. Não é por acaso que os bebés deixam de beber leite pouco tempo depois, e q as mães, naturalmente deixam de produzir, por motivos obvios e naturais, sendo que o leite é uma fonte de nutrientes, proteinas e hormonas etc, adequado a cada espécie, provocando um desenvolvimento rápido e eficaz das “crias”. Ao consumirmos um produto não adequado aos nossos requesitos, é bem normal que hajam sintomas reacções indesejaveis (toda a acção tem uma reacção). Não me admirava portanto, q quem faz maior consumo de leite, venha a absorver hormonas de origem de outro animal, e que possa provocar aberrações celulares e modificações genéticas. Se nao, porquê causar falsas gravidezes às produtoras de leite (leite de vaca)? Tanto destroem o seu organismo como também nos prejudica a nós. Tal como a dita evolução do mercado tudo baseado à base de hormonas r quimicos para que se possa obter um volume e peso superior, de forma a ser rentável para os produtores do que quer q seja… depois admiram se que sejamos seres dependentes… pois tudo o que nos rodeia e por vezes é essencial à vida, ou, por um lado nos pode causar dependência, ou por outro pode provocar sintomas anormais que nos fazem tomar medicamentos que têm o triplo de efeitos secundários maleficos que propriamente efeitos para o qual foi criado, provocando dependência devido a criação de novas doenças, ja para nao falar da maioria das doenças q sao criadas em laboratório, q matam milhões, somente porque sim.. para provocar a necessidade… Não é por nada q os nossos antepassados não tinham nem um terço dos problemas q temos, (saúde) como eram mais felizes, menos preocupados, pois não havia uma monarquia de capitalismo, q a unica coisa q vemos à frente nos dias de hoje, é o dinheiro, pois até o bem mais essencial a vida é pago através do mesmo, creio ser o criterio essencial à vida neste momento, o qur provoca tal cegueira às grandes personalidades que gerem o nosso ecossistema, q nao vêm q ao contrario de bem… nos está afazer mal… gosto muito da ciência. .. creio q nela está a base de muitos descobrimentos e soluções. .. mas tb sei que por trás da ciência estão interesses, e à frente dos interesses, está dinheiro em jogo, há resultados omitidos e transformados, doenças e seres, criados sem qualquer contrôle, na maioria para provocar o caus, o contrário de que é suposto da ciência. Mas para abrirmos os olhos, já é tarde demais…
  • Nicolay Chocianowicz
    O leite é bíblico. OH ISRAEL, TERRA ONDE CORRE LEITE E MEL!!!
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Também é bíblico matar primogénitos ou soltar pragas de gafanhotos e não é por isso que o devemos fazer.
    • Dani Silva
      Comer carne também é Bíblico, e nem por isso é a melhor opção. Mas já que falou na Bíblia, pode reparar em Génesis na dieta antes do pecado, 100% vegetariana…
  • http://www.economia-e-sociedade.blogspot.com.br/ Rui Tojal
    Ao Carlo: o humor é bom. Mas quando nos tiram qualquer coisa, podemos tomar isso como um sinal de mudanças a fazer na nossa vida.

    Eu, quando estou em Portugal, tomo todos os dias ao pequeno-almoço bebida de soja misturada com pó de chocolate e fica ótimo. Só tem um contra: o açúcarzinho no chocolate…. mas ninguém é perfeito. Nada que um pouco de exercício diário (que faço, não é só teoria) não elimine.

    Investigo cada vez mais questões de alimentação (já leio sobre o assunto e frequento meios vegetarianos desde os anos 70, pelo menos) e infelizmente constato que os supermercados, além do agrotóxico e dos processados, estão invadidos por algo ainda pior que são os produtos transgénicos ou OGM, que segundo um estudo científico feito em Paris (ver meu blogue http://www.ruitojal.blogspot.com.br/ , o artigo de 11/8/2013) está perfeitamente provado que são cancerígenos.

    Agora, não esperem comer hoje, e ter um cancro logo daqui a um mês. Depende do vosso organismo, mas mais tarde ou mais cedo vai acontecer e, por favor, não venham com a treta apatetada do “ah…se formos a ver, tudo faz mal”. Que coisa!

    Informem-se primeiro, e falem depois… Claro que “tudo” faz mal. Tudo, EXCEPTO O QUE É PRODUTO DUMA VERDADEIRA AGRICULTURA ORGÂNICA OU MESMO TRADICIONAL SEM PESTICIDAS, SEM OGMs. E o peixe de águas não poluídas e da pesca natural também não faz mal. O frango de campo, ou os ovos, se comidos esporadicamente, não fazem mal. E até os produtos da agricultura convencional, desde que não OGM, se os lavarmos bem e tirarmos a casca onde se concentra a maior parte dos pesticidas, são aceitáveis. Eu alimento-me sobretudo de fruta, que tento selecionar pelo sabor, capacidade de conservação, intuição e uma boa lavagem.

    Digo isto, baseado na minha própria experiência que inclui o facto de o meu aparelho digestivo ser hipersensível – qualquer coisa estragada ou adulterada, é correr logo a seguir para a casa-de-banho. Portanto, comer carnes vermelhas, ingerir leite e seus derivados em excesso, não dá, porque não dá mesmo, é não ou não, pelo menos no meu caso.

    Aliás, quem habitua o corpo ao alimento saudável, quem educa o paladar, o estómago. o intestino, o fígado, etc. a partir de certa fase já nem aceita as porcarias com que, infelizmente, a maior parte das pessoas deseducaram o seu corpo (literalmente).

    A terminar, convido-vos a lerem num dos meu blogues (o já citado acima) o separador 1-Saúde e prevenção. Há lá uma rubrica dedicada aos malefícios do leite, que inclui artigos científicos que desenvolvem bastante o tema do leite, aqui em discussão. Assim como, no separador “Início”, a ler sobre a indústria de alimentação e seus horrores. Espero que depois não vomitem. LOL:))

  • Lis Normandia
    Que coisa maravilhosa estarmos vivendo uma época onde as pessoas começam a pensar sobre a comida. e normalmente a comida que nos dificulta pensar. Essa é a verdade..
  • http://www.economia-e-sociedade.blogspot.com.br/ Rui Tojal
    O artigo acima está correto, só peca por insuficiente. Há estudos abundantes que comprovam os malefícios do leite, e quando digo estudos são experiências médicas publicadas e sujeitas ao crivo da comunidade científica. Há até um estudo americano em que as “cobaias” são algumas dezenas de médicos divididos entre os que tomaram leite e os que não tomaram. É sabido que os povos orientais – como os japoneses – que se alimentam sobretudo de arroz e peixe e pouco usam leite, praticamente não têm incidência de cancro na próstata. E os orientais que fazem alimentação ocidental, passaram a sofrer dessa doença. O leite tem substâncias que o aparelho digestivo humano não está preparado para digerir, originando acidificação como resposta, daí vem o perigo – que não é pequeno, cancro é muito grave – e quanto ao famoso cálcio, dada a forma como está posto no leite de vaca, ele quase nem é absorvido. A drª Denise Carreiro explica isso muito melhor que eu num vídeo que está no meu blogue – pesquisem como o meu nome e “&Outros Olhares”, o estudo está no separador 1.
    De resto, vejo aqui comentários com as maiores asneiradas, desde dizerem que se forem comprar o leite diretamente no produtor, aí já não há problema (LOL), até àqueles do tipo: “Carne, leite… tudo faz mal, então daqui a pouco o melhor é deixar de comer”. Aqui, apetece-me dizer: se calhar, involuntariamente, quem afirma isso quase acerta, porque a invasão nos supermercados de porcaria processada proveniente de OGM ou do agrotóxico, seja frango, carne, soja e outros vegetais, até peixe (de aquacultura, onde entra também a soja ou o milho OGM, porque simplesmente a agroindústria quer é baixar os custos e é dessa forma que o consegue. Paradoxalmente, embora muito menos provável, até o pescado do mar pode estar poluído por mercúrio ou substâncias radiotativas, como se vê com Fukushima que vem vazando todos os dias para o mar).
    Claro que há os alimentos biológicos ou orgânicos, mas são caros. Fora esses, quase que apetece voltar ao campo e produzir a nossa própria comida – não duvidem que seria a solução. Posso explicar isto melhor e já o fiz num post em resposta ao CarloPark. Estranhamente, esse post não saiu até agora.
    Ficarei muito, mas mesmo muito chateado se não sair, simplesmente porque, se já é intolerável a censura nos grandes media mercenários (e são praticamente todos), então em blogues que se fazem passar por críticos do sistema, fico mesmo “pé de vida”, como dizem no NE do Brasil. Mas se for esse o caso, também não há problema. Hoje estava a refletir, como faço muitas vezes, e compreendi subitamente que tudo isto está mesmo conectado, nada acontece por mero acaso, estamos todos ligados uns aos outros duma forma ou doutra, e quando acontecem certas filhadaputices (desculpem o tom pouco Zen vindo dum vegetariano tendencial, mas borrifei…) servem desde logo, que mais não seja, para percebermos que o MAL tem muitas máscaras. Fico supertranquilo, porque sei que um dia, mais cedo que tarde, todas vão cair.
  • Sheridan Bastos
    Sinceramente, já nem sei mais o que dizer. O conteúdo a respeito do leite, parece que procede, pois tenho amigos médicos que afirmam categoricamente que o consumo do leite em adultos é bem negativo. Acontece, que em alguns momentos determinados alimentos fazem mal, o mesmo alimento em outros faz bem. Mudando de assunto, e ao mesmo tempo indo na mesma linha, agora o comentário a respeito das torres gêmeas. Coitada das nossas cabeças. Mas na verdade, o tema leite é bem vindo.
  • Sheridan Bastos
    O meu comentário não ficou registrado.
  • EV1LSP1R1T
    pois passar sem leite podia mas nao é a mesma coisa como iria comer os meus korn flakes? a seco? não tks.. e os iogurtes ? e os batidos?? Nem pensar que se foda mas é
  • Luiz Carlos Santos
    E os derivados como queijos, ricotas enfim…???
  • juzz
    Não consumo leite animal e principalmente de vaca ha varios anos talvez mais de 10 anos,sobro de enxaqueca e estou proibido pela minha dieta de o consumir, mas apenas o leite que se compra no super mercado e industrializado, esse leite enzimaticamente esta morto devido aos processos que sobre pela parte da industria,
    mas meu medico manda me consumir se o apanhar directamente da vaca porque esse leite é bom e nos faz muito bem e com nata e tudo, infelizmente tudo onde o homen poe a mao destroi é um facto estou par destas açoes no organismo pela parte do leite industrializado, por isso bebo so leite vegetal mais facil de fazer em casa como o leite de arroz , soja, castanhas,coco e aveia tudo feito em casa e consumido na hora.

    juzz

  • Gustavo Áder
    Parabéns pelo site. Muito necessário!
  • Marina
    O leite é necessário, apesar de ter de ser o biológico. Depois de anos sem beber leite por todos estes motivos quis saber mais e afinal, estudos científicos (que não as fontes citadas neste artigo certamente) explicam que o leite e só o leite contém uma proteina que possibilita a absorção de calcio. Outros alimentos que têm calcio quando ingeridos não signfica que este seja absorvido pelo nosso organismo. É mais que sabido os lobbies da indústria, mas manipular pessoas para o não consumo também não é correcto. “Somos os unicos animais a beber leite quando desmamados”. Experimentem ir ao zoo levar um biberon com leite e por junto da gaiola dos gorilas.. é facil tirar conclusões :) Os efeitos secundários provocados pelo leite são devido ao seu tratamento quimico para venda.
  • Jose Jaca
    Por isso é que foi inventado o queijo que é mais facilmente tolerado pelo organismo!
  • Maria Manuela Mouro
    praticamente não tomo leite, por problemas renais, mas não creio faça tão mal assim….
  • Edgar Capela
    Pouco tenho a dizer sobre está noticia….

    Hoje em dia existem estudos pagos para comprovar tudo e mais alguma coisa (Tanto para o mal como para o bem)…. E graças a isto é que existe a descredibilização de noticias e informações, pois somos enganos por tudo e por todos….

    Relacionado com esta noticia, e como referi anteriormente, fico sempre numa situação de confusão se deve continuar a tomar leite ou não….

    Hoje em dia uma coisa é certa e disso tenho a certeza, tudo o que se compra hoje em dia, está “tratado” e “bem tratado”, para ser vendido até aos consumidores mais exigentes….

    Quando digo “Bem tratado”, é aplicar tudo o que é possível e imaginário (Pesticidas venenosos, etc) nas técnicas mais avançadas, para obterem eficiência e eficácia nas empresas, não tendo responsabilidade na saúde da humanidade….

    Já pensaram que grande parte das doenças que aqui se relatam e outras, sejam provocadas por maior probabilidade a estes venenos colocados…..????

    Eu acho…….

    Por isso, vos digo… tenho 25 anos… e os meus avós e pais dizem, que ainda teremos de cultivar terrenos que estão de pousio!!! É verdade…. e será a ultima maneira de cultivar algo de saudável por “nós próprios”

    Cumprimentos a todos

  • Anónimo
    Será que o leite também provoca zumbido nos ouvidos ?.
  • Alex
    Comam e bebam o que quiserem com moderação e agradeçam sempre a Deus pelos alimentos (aí está a diferença), que nada vos fará mal algum! Meu avô e minha avó já passaram dos 90 e sempre comeram de tudo, beberam muito leite, e coca cola sempre nas refeições, dizem que é pra desfazer melhor a comida, facilitando a digestão….rsrs. Por isso que a Bíblia já adverte a mais de 2 mil anos que: “O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem”. (Mateus 15:11)
    • Dani Silva
      Essa passagem bíblica está a ser usada fora do contexto. A Bíblia tem claras instruções para a alimentação. Em Mateus 15:11, está-se a falar da salvação do homem. Ninguém vai ser ou não salvo pelo que come, mas sim pelo que diz/faz. O versículo em causa foi uma crítica directa às doutrinas judaicas da época, que davam demasiado ênfase às regras, e menos ao amor pelo próximo.

      Repito, a Bíblia tem doutrinas muito específicas relativamente à alimentação (é só pesquisar para saber mais).

      Além disso, a Bíblia apresenta a alimentação do Éden como sendo puramente vegetariana. Na altura que a Bíblia foi escrita, não se tinha a noção de saúde e ciência que se tem agora. Pensava-se, como até à algumas décadas atrás, que os produtos animais eram saudáveis e essenciais, o que torna o vegetarianismo no Éden ainda mais fantástico.

      E já agora, a Coca-cola é um óptimo remédio para uma má digestão… mas é mesmo só isso, um remédio. É corrosiva e excessivamente energética. Se não quer andar a tomar medicamento todos os dias, não beba coca-cola.

  • Joaquim Nogueira
    … tenho 67 anos … há 65 que não bebo leite
  • Ricardo
    Para mim o leite é maravilha… dabe tão bem e Graças a Deus não me faz mal nenhum…. portanto penso que este estudo não se aplica a mim…
  • Paulo Fml
    Eu recomendo vivamente que se deixe de beber Leite! A minha forte aposta tem sido a água alcalina ionizada, 90% dos meus problemas deixaram de se manifestar após ter tomado esta decisão, estou muito contente com os resultados e tenho ajudado imensas pessoas a terem qualidade de vida desta forma… em Portugal ainda não é muito comum se falar neste tipo de prevenção e tratamento á base de água alcalina ionozada, mas felizmente já se começa a sentir que as pessoas pesquisam mais sobre o tema ( GOOGLE: água alcalina ionizada Portugal ) e até dão passos para conseguirem esta magnifica mudança nas suas vidas, temos e ser médicos de nós próprios se queremos realmente viver mais anos e com alguma saúde! Abraço a todos e parabéns pelos vossos comentários.
    Até Mais.
  • Flavio
    Meu filho teve 1 alergia grave a leite, derivados e frutas cítricas!!! Inchava-lhe o pescoço e a genitália! A mãe dele teve que amamentá-lo até uns 3 anos…
  • Daniel
    Minha mãe tem uma fazenda e vou lá pra passar minhas férias, ajudo ela a tirar o leite das vacas na ordenha (máquina que suga o leite das tetas da vaca) e o fato dos hormônios é totalmente verídco o leite é tirado duas vezes por dia, de manha bem cedo e no fim da tarde, sempre acompanhado por aplicações de drogas que fazem a vaca “soltar” o seu leite mais facilmente. Fiquei pensando tbm como é inevitável q o leite seja altamente contaminado por drogas hormonais e antibióticos. E agora fico mais assutado em saber que “o seu impacto para os seres humanos que o consomem é ainda desconhecido”
  • Paulo Sad
    ABAIXO AO LEITE, MORTE AS VACAS, E VIVA A CERVEJA…
  • Rui Soares de Sousa
    No Brasil a campanha em torno do não consumo do leite, está sendo feita em larga escala e com boa aceitação pelo público…Já se fazem tarde providências prá que essa mentira seja finalmente deletada dos comerciais e propagandas em geral! Muito bem feita a matéria acima! Parabéns!!
  • André
    Gosto particularmente quando alguns dizem que os humanos são os únicos que bebem leite de outra espécie….
    Será porque somos os únicos seres racionais ou andam para ai ordenhas desenvolvidas por cães e eu não sei???!!!!
    E aqueles casos tão espectaculares que ocorrem na natureza, quando animais de uma espécie adoptam outros de espécie diferente??? Vão ao super comprar o leite da espécie deles???
    Francamente e na minha humilde opinião isto não passa mais de um jogo de interesses. Se formos a ver bem de acordo com tantos estudos o melhor é não comer nem beber nada porque tudo faz mal. No fundo penso que fora situações específicos, se comermos e bebermos com moderação as coisas não fazem mal, afinal somos omnívoros, não somos carnívoros, nem herbívoros,…
    Sinceramente nos tempos que correm se houvesse mesmo razoes para alarme e de tanto perigo as organizações de saúde já se teriam manifestado…
    • Dani Silva
      O tabaco foi, durante muitos anos, considerado benéfico pela comunidade médica… acho que este exemplo chega para ver que as coisas relacionadas com a saúde não são dados adquiridos, mas devem ser objecto de estudo e reflexão contínuos!!
      • André
        Concordo plenamente contigo, mas não vamos comparar um bem essencial com uma substância classificada como uma droga ao nível da cocaina e heroina que é a nicotina, só que a diferença é ser legal e socialmente aceite. Acho que cada vez mais caminhamos para uma sociedade fundamentalista. Felizmente eu ainda sou de uma geração que podia brincar na rua, jogar a bola, a apanhada, ás escondidas e a todas as outras brincadeiras que só a nossa imaginação era o limite, não havia preocupação com o andar na rua, com os brinquedos terem esta substância ou aquela, de não terem uma marcação de produto certificado, etc… todas estas coisas que felizmente foram sendo alvo de estudos e evolução, mas que como consequência e em virtude dos fundamentalismos “prendem” cada vez mais as crianças em casa agarradas a computadores, tablets, consolas e que agora acho que já nem TV é, porque essa já só serve para ligar a consula… enfim cada um é livre de tomar as opções que quer. Eu bebo muito leite, não por me dizerem que faz bem, mas porque gosto e não por dizerem que me faz mal que deixo de beber, porque se for por ai tudo faz mal até a água…
  • António Carlos, Amigo
    Vivam e deixem viver…
  • António Carlos, Amigo
    Bem hajam
  • Artur
    Quanto aos gases, os vegetais também dão gases e ainda ninguém veio dizer que deixou de os comer e que desde então se sente melhor; quanto a outras reacções, existem certas patologias a que se costumam chamar alergias, sendo estas de vários níveis e sensibilidades.
  • luiz carlos correia
    eu ja sabia, mas este esta mais detalhado, eu ja parei com o leite e me sento bem melhor
  • Clayton Souza
    Vou trocar o leite pela cerveja então!!!
  • Sindval Edison Galharde
    Transgênico desorganiza o campo celular dos corpos existente no planeta.
    A situação é de calamidade publica, vemos hoje devido ao uso da pilula anticoncepcional produzindo o câncer de mama em grande escala nacional, as pilulas bloqueiam o fluxo energéticos naturais que ao passar do tempo voltam em formas desequilibradas. Ex: comprovado apos de 3 aplicações de anticoncepção nas cachorras ficarão cancerosas, gastam-se fortunas para com os PHDs que inventam químicos para ceifar o corpo feminino que prefere ter câncer que as benesses de um filho é igual o caso do leite estão demorando admitir os erros levando a população humana ao caus racional sem lucidez poucos com condições de raciocinar.
  • JU
    Interessante, mas gostaria de saber quanto ao iogurte natural que possui as bactérias boas, sempre ouvi dizer que é o elixir da longevidade, esse conteúdo falou bem sobre o leite mas pouco sobre seus derivados, especialmente o iogurte natural.
  • Rondinelly Araujo
    Os humanos são os únicos que continuam bebendo leite após a fase adulta, nenhuma outra espécie faz isso.E ainda por cima leite de outros animais.
  • Foguinho Fernandinho
    Você já deve ter escutado a sua avó falar que tomar leite gelado é bom para quem está com azia. Pois é, e ela tem alguma razão, ele alivia o sintoma no momento, mas depois só tende a piorar. O leite aumenta a produção de ácido gástrico, queimando ainda mais o estômago, devido a produção de lactase não ser suficiente para a quebra da lactose em adultos causando ainda mais mal estar e distúrbios gástricos intestinais.
  • socorro
    Tive um problema sério com leite, tenho uma rinite brava e por dois anos fiquei sem o paladar e olfato, só depois de pesquisar muito, resolvi tirar o leite da minha dieta. FAlei com meu ginecologista e ia para por 3 meses e ele concordou e me receitou cálcio (pq tenho osteopenia), Conclusão, depois de um mês sem leite meu olfato e faladar voltaram 100% e nunca mais tive problema. Cada organismo reage diferente e cada caso é um caso, porém é sempre bom prestar atenção em tudo que se ingere.
    • MdoCarmo
      exato. E procure consumir mais folhas verdes e brássicas que além de conter cálcio tb são ricas em magnésio e outros elementos que fixam o cálcio nos ossos, o que não ocorre com o cálcio do leite.
  • allan
    porra cara, isso é curioso, más é debatível em relação a opinião de outros profissionais, sou leigo mais tenho para mim que isso pode ser de certa forma o reflexo do capitalismo na sociedade, pois é logico que tudo em excesso faz mal, grandes empresas investem muito para aumentar a produção, isso já começa a partir da alimentação dos animais o qual induzem-os a produção fora do normal de leite sem contar os fortes estímulos químicos e anabólicos o qual altera totalmente o estado natural do animal, ( o qual é transferido diretamente ao ser humano quando consumido) sem contar que apos colhido o leite, este passa por vários processos químicos de industrialização, sabe – se que o próprio leite industrializado basicamente contem mais soro, químicas e conservantes (altamente nocivos ao ser humano) do que leite, é interessante saber também que o ser humano esta mais habituado a consumir produtos sob influencia química do que natural, sendo assim nós estamos perdendo a capacidade de absorver proteínas, vitaminas e nutrientes dos alimentos naturais, isso já vem de muitos anos, através de uma longa herança genética, tudo o que comemos sofrem grandes influencias de químicos, frutas, verduras, legumes outros são produzidos sob influencia de insimulantes e dos agro tóxicos e conservantes, os animais para abate são criados sob efeitos de anabólicos o qual é transferidos estupidamente aos seres humanos, pesquise um pouco e verá, foi feito uma pesquisa o qual demonstrou a diferença de pessoas que consomem animais industrializados dos que consomem animais naturais ( é assustador), em fim o ser humano já nasce dependente de químicos, cresce sob influencia de medicamentos (pra tudo) tando para cura de enfermidades quanto para estética, antigamente ervas naturais surtiam efeitos como medicamentos, más hoje em dia não funcionam mais, nossos organismos não os aceitam mais, pois somos quimicamente manipulados á muito tempo e não sabemos kkkkk ( o problema somos nós)
  • Celia Azevedo
    como diz o comentario , que os vacas recebem muitos hormonios, enta o que diz da carne que tambem recebe
  • Rodrigo Lucas
    É fácil identificar se o leite faz mal ou não. Experimente ficar uma semana sem consumir leite nem laticinios e vejam a diferença que isso faz em sua qualidade de vida. Eu fiz esta experiência a 20 anos atras e depois disso nunca mais consumi leite.
    • MdoCarmo
      Perfeito :)
  • Catarina
    Não é só dizer que é assim, quero provas disto!
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Quer provas, investigue! É essa a finalidade do artigo… Pediu provas a quem lhe disse que o Leite lhe fazia bem?
      • André Luis Santiago
        Foi extremamente infeliz essa tua resposta. Imagino que a Catarina (assim como eu e diversos outros leitores de sua página) procuram aqui informações que ajudem a melhorar a saúde. O divulgador de informações aqui é você, é sua a responsabilidade de informar as evidências do que escreve. Exatamente por as pessoas não questionarem é que as falsas informações se espalham pelo mundo. Ao negar dar informações e fontes de pesquisas científicas você nega a teus leitores a chance de julgar a verdade. Por favor repense essa tua resposta. .
        • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
          Caro André, reiteramos a resposta anterior. Se algo foi infeliz aqui foi a posição de quem vê um artigo pontilhado com fontes e hiperligações e que em vez de se dirigir aos autores dos estudos e artios citados exige provas de um meio informativo.
          Não podemos pensar por quem nos visita e certamente não iremos apoiar posições de fadiga mental e preguiça, especialmente (como é o caso) quando se trata de uma posição hostil e declaradamente provocatória que aparentemente o André não notou.
          Repetimos, vai pedir provas a todos os que afirmam qualquer coisa? Esperemos bem que sim… neste caso as provas estão tão evidentemente presentes no texto (através das fontes e citações – para quem não entender) que a exigência da Catarina foi unicamente provocatória.
          • MdoCarmo
            eu já fiz essa pesquisa como faço sempre sobre artigos polêmicos e já constatei em diversos sites idôneos que a materia aqui tem total credibilidade.
  • Ric
    fora as bactérias que nem vou descrever para não assustar, mesmo sendo pasteurizado,melhor não tomar….quem fica rico são eles e nós só pegamos os problemas.
  • Jeferson Conte
    Já cortei a Coca Cola e agora o leite vai ser o próximo. Cada vez mais admiro uma boa cerveja..
  • Rosimeire Fonseca
    Sofri demais, sem pensar em intolerância a lactose, minha barriga ficava do tamanho da de uma mulher grávida de 4 meses. A noite era um desespero, a barriga acumulava muito mais gases ainda, sorte que era solteira, senão o marido separava. Resolvi então acabar com essa dependência de leite de vaca, estou tomando leite de arroz com açúcar mascavo, uma delícia, mais barato e sem chateação de alteração do gosto! O leite de arroz dura três dias e conserva intacto o sabor, sem falar que é bem mais barato!
  • Daniel Gonçalves
    Tenho 22 anos, costumo beber leite meio-gordo ao pequeno-almoço, lanche e deitar. Até agora não tive complicações na saúde. Tenho um certo peso a mais, mas isso é porque sempre gostei de comer. Costumo é analisar outras pessoas que não bebem e estão frequentemente doentes ou partem tudo numa queda.
  • Marcelo Nazário
    Fiquem tranquilos, daqui dois meses sai outra pesquisa dizendo que o leite é a coisa mais maravilhosa do mundo para a saúda.
    • MdoCarmo
      so se for patrocinada por indústria de lacticíneos, porque a questão é pacífica. há mmto tempo.
  • Ivone Hoffmann
    Não tomo e não gosto de leite. Ele me causa allergia e incha meu estômago.
  • António Manuel
    Eu nos anos 70/75 era um grande consumidor de leite não se passava um dia que não bebesse de 1/2 a 1 ltr de leite , no princípio de 75 tive uma grande crise de intestinos de tal maneira que me rebolava no chão com dores então o meu médico me mandou fazer muitos exames e radiografias chegando à conclusão que o meu pâncreas estava a funcionar mal, por isso tinha que ser operado para mo retirarem , fiquei a pensar no assunto e resolvi investigar a opinião de outros médicos , aí falei com um Dr. da velha guarda depois de lhe explicar tudo me perguntou , bebe muito leite (sim) tem problema de evacuação (sim ) só com isto me disse , tem que deixar de beber leite e tem que educar os seus intestinos deu-me uma regra para fazer dia sim dia não e me disse para voltar lá daí a um mês … passado esse tempo voltei depois de lhe dar o resultado do que sentia me disse para continuar diáriamente , finalmente e para ser mais breve esqueci os exames e radiografias e até hoje NUNCA MAIS SENTI NADA embora muito moderadamente ainda bebo o meu copo de leite ou galão . Mas continuo com o meu PÂNCREAS.
  • Domingos Correia
    Em quê acreditar… Cada um diz o que lhe apetece. As grandes indústrias fabricam a bondade e a maldade dos produtos alimentares segundo as suas conveniências. Não, muito obrigado pelo conselho . Agora é que beberei mais leite!!!
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      lol
  • Micaela Martinho
    Cruzes.. andamos a matar nos e nao sabemos..??
  • Marcos Sousa
    Concordo em parte com o artigo, sou estudante de biologia e pelo que biólogos formados me informaram, os hormônios não são baratos pra ficar dando pra tudo quanto é bovino, e mesmo se isso acontece, são perecíveis e não duram muito em locais inapropriados, por causa da sensibilidade á temperatura e ao Ph.
  • Ana Maria
    Há muito que não bebo leite de origem animal, mas sim leite de soja. Não me tenho dado mal, muito pelo contrário, é delicioso e faz muito bem à saude
  • Patricia Rodrigues
    A mim foi me diagnosticado doença de crohn quando disse ao medico que era do leite só não me chamou de maluca porque lhe ficava mal, o que é certo é que por minha iniciativa, e como estudei medicina chinesa, aprendi que o malefícios do leite para o homem, deixei de tomar leite e o certo é que mais nenhum sintoma tive… :)
  • Rebelo
    Na União Europeia não é permitida estimulação da produção de leite através de hormonas.
  • Helio Cunha
    Já há muito tempo notei que o leite me fazia mal. Por recomendação médica deixei de tomá-lo e me sinto muito melhor. Recomendo a todos que não façam uso do leite e derivados.
  • Andreia Rodrigues
    …..
  • Helder Paraná Do Coutto
    Lamento dizer mas acho esta posição aqui propalada muito restringente. O leite como tudo tem dois lados, faz bem a uns e mal a outros. Este pedido para evitar o leite« pela sua saúde» é excessivo.
    P.S. Não tenho vacas, não as pretendo ter, não trabalho em laticínios ou algo correlato, não tenho ações da Nestlé, ou de outra indústria congênere, em resumo faço a minha declaração de interesse livre de qq interesse pessoal. Bebo leite desde que nasci, há quase 60 anos, e me sinto muito bem em bebê-lo
  • Joel
    entao e isso inclui cortar nos iogurtes e queijos?
  • Luis Duarte
    Nao digo que nao seja verdade mas com o avanço da ciencia cada vez que vou a wc existe algum novo um alimento uma rotina qu se descobre fazer muito mal a saude…. qualquer dia as pessoas comem ar…..
    Ha pessoas cada vez ligam mais a isso e cada vez a E.M.V. (ESPERACA MEDIA DE VIDA) E mais baixa…..
    Para vos ser cinsero nptrabalho numa escola com 25 criancas numa sala…. a que menos banho toma, come tudo inclusive quandonnao vimos coisas que estao no chao a sei la quanto tempo….. em 2 anos letivos seguidos nunca apanhou nenhuma doença… nem mesmo as viroses que andaram pela sala que ate eu apanhei….
    Com isto nao tou a dizer que devos fazer isto ou que este estudo nao seja real… mas por experiência própria o nosso corpo aprende desde crianças a auto defender-se do qu3 e inyoleravel ao nosso organismo…..
    Axo que a vida e demasiado curta para estar a pensar qie isto e aquilo nao posso comer….. os vegan sao xeios disso e alguns morrrem de morte subita ou ataques cardiacos… ou otras coizas…. quando tiver de ser é…….
  • Pingback: Leite de origem vegetal | Maternar e Brincar()

  • Pingback: Anónimo()

  • Pingback: O Mito do Leite - Happy Food Happy People()

  • Ernandes de Rezende
    O meu médico pediu pra não tomar leite e sim seus derivados,e apesar de não ser alérgico a lactose sou outra pessoa .melhorei muito até como gente,afinal diz um provérbio chinês você é o que come!!!
  • marcelo chaves
    Sempre bebi muito leite. Nunca tive qualquer problema com esse alimento. O leite vem sendo consumido a anos. Acredito que fosse prejudicial a saúde , teriamos hoje um número muito grande de pessoas doentes por causa do leite. É claro que existem pessoas com alergia ao leite. Mas eu não tenho alergia ao leite mas tenho alergia a outros alimentos. Então não devemos generalizar e dizer que faz mau a saúde pois eu a muito tempo tomo leite e nunca tive qualquer tipo de problema. E conheço pessoas que também consomem doses diária muito grande de leite. Não quero desacreditar da matéria, mas temos que olhar a realidade e os fatos. E nunca vi ninguem doente ou morrer por causa do consumo de leite. Sim temos pessoas alergicas ao leite, mas existem outras pessoas que são alergicas a vários outros tipos de alimento. Se formos pesarmos assim tudo vai ser prejudicial a nossa saúde. As pessoas nancem com alergia ao leite e não por causa dele.
  • Leandro C
    É bastante óbvio que há uma intenção por trás da venda de laticínios. Lucrar. Para isso é montada uma “Matrix” pelos profissionais da saúde (médicos), pesquisadores, empresários e imprensa para ludibriar as massas.

    “Leite é bom para a saúde”…

    “Consuma leite e seus derivados”…

    ” Cientistas descobriram que a carne faz bem – não lembro a data dessa reportagem…”.

    Destarte toda essa gente do mal trabalha para lucrar, mesmo que você se dane…

    Enquanto as pessoas não pararem de comprar produtos que as estão “envenenando”, merecerão, como resultado, adoecerem.

  • Edison Junior Franco
    Fontes e artigos…. o texto só da fontes para o primeiro parágrafo… gostaria de ler o original!!
  • Pingback: Debate do dia* | Cantinho da Tily()

  • Gerlandia
    Gente isso vale pras formulas de leite de 0a6 meses e de 06 a 12 meses?eu não pude amamentar meu bebe.me responda por favor
    • http://portugalmundial.com/ Portugal Mundial
      Não… refere-se apenas a leite real e não a bebidas artificiais que imitam o leite, especialmente os comportos para bebés.
  • Antoniovilela
    Estou de acordo com esta matéria os pesquisadores estão falando sérios já fui produtor de leite e sei como é os remédios que tem que aplicar o leite entra pela boca pra dar resultado rações e outos alimentos ácidos do próprio capim a braquiquiaria w completamente tóxicos e só vc ferver e beber pra ver se vc não morre rapidinho então resumindo a vaca produz pelo que come e o gosto e qualidade e enorme que passa para o produto leite.
  • Mari
    Nossa, eu tenho justamente problemas de alergias, eczema e problemas nas articulações e bebo muito leite!
  • Flavio oliveira
    Todas aqueles que tem problemas de tiróide deveria ser proibido sim…mais o leite para as crianças eu acho que não faz mau..ser nascer com alguns problemas
    genético e possível que acriança não posso tomar leite.
  • Pingback: Coitada da vaca!  | Conhecendo os Alimentos()

  • jonatas santos
    Mandou bem é poucos que sabem disso valeu pela orientação
  • Pingback: Cientista de Harvard suplica: “Evite o leite pela sua saúde!” | Blog Farmacêutico Responsável Técnico()

  • Luiz Longo
    A endocrinologista Isabel do Carmo, diretora do serviço de endocrinologia do Hospital de Santa Maria, afirma que a suposta intolerância à lactose é uma moda, para a qual não existe qualquer fundamento científico, e que resulta da influência da indústria de produção de soja.
  • Pingback: Harvard retira laticínios da dieta saudável – radar_ihub()

  • Pingback: Cientistas de Harvard suplicam que paremos o consumo de leite – Espaço do Sol()

Partilhas