Ciência Genética Polémico Saúde

FDA Aprova Primeira Vacina de Gripe Transgênica

1358518272_flublok Uma nova vacina contra a gripe chegou ao mercado, e é a primeira a conter proteínas geneticamente modificadas (OGM) derivadas de células de insetos. Segundo relatos, o FDA (a ANVISA norte-americana) aprovou recentemente a vacina, conhecida como FluBlok, que contém tecnologia do DNA recombinante e um vírus de inseto conhecido como baculovirus que supostamente ajuda a facilitar a produção mais rápida de vacinas.

De acordo com a bula do FluBlok, a vacina é trivalente, o que significa que contém proteínas transgências de três estirpes diferentes da gripe. A fabricante da vacina, Protein Sciences Corporation (PSC), explica que FluBlok é produzida pelas células extraidas da lagarta-do-cartucho (Spodoptera frugiperda), e é alterada geneticamente para produzir grandes quantidades de hemaglutinina, uma proteína do vírus da gripe que permite que o próprio vírus da gripe entrem no corpo rapidamente.

havenith_antifreeze_credit-konrad_meister_630Então ao invés de ter que produzir vacinas da maneira “tradicional”, utilizando culturas de ovo, os fabricantes de vacinas agora terão a capacidade de produzir rapidamente grandes quantidades de proteínas do vírus da gripe utilizando transgênicos, o que certamente é para aumentar os lucros para a indústria de vacina. Mas também é certo que isto irá levar a todos os tipos de efeitos colaterais graves, incluindo a mortal Síndrome de Guillain-Barre (GSB), que está listada na bula da vacina como um efeito colateral potencial.

Se a Síndrome de Guillain-Barre (GBS) tiver ocorrido dentro de seis semanas após a receber uma outra vacina contra a gripe, a decisão de dar Flublock deve ser baseada em uma análise cuidadosa dos potenciais benefícios e riscos“, explica uma parte da literatura da vacina intitulada Advertências e Precauções. Outros efeitos secundários possíveis incluem reações alérgicas, infecções respiratórias, dores de cabeça, fadiga, imunocompetência alterada, coriza e mialgia.

De acordo com os dados clínicos fornecidos pela PSC na bula do FluBlok, dois dos participantes no estudo, na verdade, morreram durante os ensaios da vacina. Mas a empresa ainda insiste FluBlok é segura e eficaz, e que é cerca de 45 por cento eficaz contra todas as cepas de influenza em circulação, ao invés de apenas uma ou duas cepas.

FDA também aprova vacina contra a gripe contendo células renais de cães

Em novembro, a FDA também aprovou uma nova vacina contra a gripe conhecida como Flucelvax que é feita usando células renais de cães. Um produto da gigante farmacêutica Novartis, a Flucelvax também acaba com as culturas de ovo, e da mesma forma podem ser produzidas muito mais rapidamente do que as vacinas tradicionais contra a gripe, o que significa que as empresas de vacina pode tê-la pronto e esperando na hora que o governo federal resolver declarar uma pandemia.

Como a FluBlok, a produção da Flucelvax só foi possível por causa de uma concessão de 1 bilhão de dólares financiada pelos contribuintes americanos, dada pelo Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA (HHS) para a indústria de vacinas em 2006, para desenvolver novos métodos de fabricação de vacinas. O objetivo final é ser capaz de fabricar rapidamente centenas de milhões de vacinas para distribuição rápida.

Enquanto isso, há supostamente duas outras vacinas transgênicas contra a gripe atualmente em desenvolvimento. Uma delas, que está sendo produzido por Novavax, que irá utilizar “pedaços de material genético cultivadas em células de lagartas chamadas ‘partículas semelhantes a vírus’, que imitam um vírus da gripe“, segundo a Reuters.

Fontes:
Global Research: FDA approves first GMO Flu Vaccine containing Reprogrammed Insect Virus
Reuters: Insight: U.S. government investment gives flu vaccines a shot in the arm
FluBlok – Site Oficial

Obrigado por nos dizer como este artigo o fez sentir! Agora conte a todos partilhando - .
Como este artigo o faz sentir?
  • Fora de Mim
  • Fascinado
  • Apoiado
  • Indiferente
  • Assustado
  • Chateado
  • Mario Virgilio Carvalho

    bom gente, eu pesquise uma vez sobre uso de cclosona na cura da gripe e vi que foi testado naquelas gripes tipo aviária que matavam todos (aquelas que não foram para frente). o resultado era que adiava a infecção mas não adiantava. porque eu pesquisei: para encurtar a cinco anos eu uso ciclosona no primeiro dia que sinto a gripe e a gripe não se manifesta. conclui(falta alguém pesquisar) que o ciclosona retarda a multiplicação celular dando tempo ao organismo se produzir anticorpus. não estou dizendo para abandonar a vacina, mas nos 11% onde ela não age, pode usar esta terapia. não sou médico, só percebi isto e faço uso a 5 anos, sem gripe me incomodando. pingar ciclosona nos 3 primeiros dias nas mucosas do nariz e ganganta e parar. ele é um corticóide não pode ter uso prolongado.

Partilhas