Desastres Mundiais Sustentabilidade

A Operação mais perigosa de sempre começou em Fukushima

g-cvr-130308-fukushima-5a-626x450[2]Tal como havíamos trazido a público uma importante e perigosíssima operação iniciaria em Novembro de 2013 para tentar controlar o desastre de Fukushima de 2011. Os danos de Fukushima são já visíveis um pouco por todo o Pacífico e continente Americano e agora tenta-se controlar males maiores.

Tóquio, 07 nov – Os engenheiros nucleares japoneses estão prontos para iniciar a retirada das barras de combustível de urânio e de plutónio do tanque do Reator 4 da central nuclear de Fukushima, no Nordeste do Japão. Essa é considerada a operação mais difícil e perigosa desde o acidente no complexo em 2011, causado por um terremoto seguido de tsunami.

Os peritos argumentam que, apesar de arriscada, a medida é necessária para o desmantelamento da central.
Mais de 1,5 mil placas de combustível, incluindo 200 novas, serão retiradas do tanque e transportadas para um outro edifício a cerca de 100 metros da actual localização.

Fonte: Euronews

Obrigado por nos dizer como este artigo o fez sentir! Agora conte a todos partilhando - .
Como este artigo o faz sentir?
  • Fora de Mim
  • Fascinado
  • Apoiado
  • Indiferente
  • Assustado
  • Chateado
Partilhas