Cultura Sociedade Tecnologia

Coreia do Sul na vanguarda do design ‘de humanos’

Na Coreia do Sul as cirurgias plásticas estão tão perfeitas que os médicos precisam emitir certificado de que a pessoa é ela mesma para mostrar à polícia em aeroportos e outros casos de identificação necessária.

Os cirurgiões plásticos sul-coreanos estão entre os melhores do mundo. Na verdade, eles são tão bons que as pessoas de outros países, como a China e o Japão, estão realmente a ter problemas para conseguir voltar para casa. Isso pode parecer estranho, mas é verdade.

Quando a maioria das pessoas faz uma plástica no nariz ou no lábio, elas parecem apenas versões “melhoradas” de si mesmas. Entretanto, as que retornam de uma cirurgia estética na Coreia do Sul parecem ter se transformado noutras pessoas, o que dificulta o trabalho dos funcionários dos aeroportos ao identificar a foto da identidade com a pessoa que está se apresentando.

Felizmente, hospitais coreanos encontraram uma maneira de contornar o problema. Eles agora distribuem “certificados de cirurgia plástica”, a pedido de pacientes estrangeiros. Estes documentos incluem o número do passaporte, a duração da estadia, o nome, a localização do hospital e o selo oficial do hospital de cada pessoa. Os viajantes podem usar o certificado para ajudar a convencer os funcionários da imigração na viagem de volta para casa onde deverão refazer todos os seus documentos.

072 072-1

Num incidente bizarro, um total de 23 mulheres foram recentemente retidas na imigração chinesa. Elas tinham 36 e 54 anos, e tinham olhos e narizes maiores, e queixos mais finos do que estava na foto dos seus passaportes. “Tivemos que comparar as partes não corrigidas com as fotos com muito cuidado, disse Chen Tao, funcionário do Shanghai Hongqiao Airport. Enquanto o processo de identificação da foto leva cerca de 45 segundos, os policiais tiveram de passar vários minutos verificando cada mulher.

Elas disseram aos policiais que eram amigas e que tinham ido para a Coreia do Sul em conjunto para fazer uma cirurgia plástica“, disse Chen. “Depois de passarem na identificação, pedimos a todas para renovarem os passaportes imediatamente”.

072-2 072-3

Em 2011, cerca de 2.500 turistas por razões médicas visitaram a Coreia do Sul.

O número aumentou dez vezes no ano passado, para um número colossal de 25.176 visitantes.

Fica a questão se estaremos a caminhar para uma uniformidade ou se o design humano começa a atingir pontos patológicos.

Fonte: Kotaku / Telegraph

Obrigado por nos dizer como este artigo o fez sentir! Agora conte a todos partilhando - .
Como este artigo o faz sentir?
  • Fora de Mim
  • Fascinado
  • Apoiado
  • Indiferente
  • Assustado
  • Chateado
  • Filipe Salvino

    Inacreditavel

Partilhas