Saúde

Cuidado com as bebidas energéticas!

Mais de 2.000 crianças menores de 6 anos foram internadas com problemas cardíacos após consumirem bebidas energéticas.

Beber uma lata de uma bebida energética é suficiente para intoxicar crianças com cafeína, alerta um médico.

Nos últimos três anos, mais de 2.000 crianças com menos de seis anos de idade foram levadas aos hospitais nos EUA, queixando-se dos efeitos das bebidas energéticas que são bastante usadas em comemorações festivas.

Os sintomas incluíam graves problemas como o ritmo cardíaco alterado e até problemas neurológicos como convulsões e ataques.

O professor Steven Lipshultz, pediatra-chefe do Hospital Infantil de Michigan, em Detroit, disse que a maioria das bebidas energéticas contém cafeína suficiente para causar danos potenciais a uma criança.

A exposição a bebidas energéticas provoca um problema de saúde, as pessoas normalmente pensam em adolescentes e jovens adultos como mais propensos a beber, mas verificou-se que metade das chamadas de emergência nos EUA foram para crianças menores de seis anos que beberam, de forma acidental, a bebida.

Afirmou Lipshultz à American Heart Association numa reunião que ocorreu em Chicago.

ban

Em países do Reino Unido, as bebidas energéticas são obrigadas a ter uma etiqueta de aviso reafirmando que não são adequadas para crianças ou mulheres grávidas. Em alguns locais, é proibido que crianças comprem o produto.

O Dr. Lipshultz afirma: “Este tipo de bebidas não tem lugar em dietas pediátricas tal como  qualquer pessoa com problemas cardíacos, neurológicos ou outras condições médicas significativas devem consultar o seu médico para ter certeza se é seguro consumir estes produtos”.

Os médicos afirmam que uma criança com menos de 12 anos de idade pode ser envenenada se consumir mais que 2,5 mg de cafeína por cada quilo de seu peso corporal.

Cerca de 50 mg ingeridos já é suficiente para envenenar uma criança com menos de 6 anos. Os valores são de 80 mg para crianças de 10 anos e 100 mg para crianças de 12 anos.

Uma lata de 500 ml da bebida Monster Energy contém 160 mg, de acordo com o portal britânico DailyMail, o que é bem além dos limites mencionados acima. Uma lata de 250 ml de Red Bull contém 80 mg de cafeína.

Crianças com diabetes ou défice de atenção e hiperactividade podem ser particularmente prejudicadas, afirmou o Dr. Lipshultz.

O mesmo ainda salientou que refrigerantes como a Coca-Cola devem ser tomados com moderação por crianças por possuir 32 mg de cafeína.

Fonte: Jornal Ciência

Obrigado por nos dizer como este artigo o fez sentir! Agora conte a todos partilhando - .
Como este artigo o faz sentir?
  • Fora de Mim
  • Fascinado
  • Apoiado
  • Indiferente
  • Assustado
  • Chateado
  • Dani Silva

    Eu diria mais… estas bebidas são tóxicas também para os adultos!! Só não se vêem as consequências tão rapidamente…

Partilhas